Geovania de Sá

Ajuda
Busca

Acervos
Tipo
Verbete

Detalhes

Nome: SÁ, Geovania
Nome Completo: Geovania de Sá

Tipo: BIOGRAFICO


Texto Completo:

SÁ, Geovania

*ver. Criciúma 2013-2015; dep. fed. 2015-2019; 2019-

 

Geovania de Sá nasceu em Criciúma (SC) no dia 30 de março de 1972, filha de Itaci de Sá, e de Maria Elena Gonçalves de Sá.

Entre 1991 e 1992, atuou como técnica em microinformática pela empresa Imbralit. A partir de 1992, tornou-se analista de sistemas do grupo empresarial Jorge Zanatta, cargo que ocupou até 2004.

Em 1995, trabalhou como instrutora de treinamento no Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (SENAC).

Ingressou na Universidade Bagozzi em 2004 para realizar uma pós-graduação em gestão de pessoas, que concluiu no ano seguinte. Também foi no ano de 2004 que se tornou coordenadora de recursos humanos no grupo empresarial Jorge Zanatta, onde permaneceu até 2008. Em 2009, foi nomeada secretária municipal de Assistência Social e Habitação pela prefeitura de Criciúma, posto que ocupou até 2012. No mesmo intervalo de tempo, atuou como articuladora municipal do programa “prefeito amigo da criança” da Fundação Abrinq, voltado à defesa dos direitos e cidadania da criança e do adolescente.

Entre 2009 e 2010, realizou um MBA em gestão empresarial pela Faculdade Getúlio Vargas (FGV), em Criciúma. Foi nomeada secretária do colegiado estadual de gestores municipais de assistência social de Santa Catarina em 2010. No ano seguinte, tornou-se presidente e tesoureira do mesmo órgão.

Em 2013, foi nomeada secretária municipal de Saúde da prefeitura municipal de Criciúma. Permaneceu no cargo até 2014.

Durante as eleições municipais de 2012, candidatou-se à vereadora de Criciúma nos quadros do Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB), dentro da coligação PSDB-PSD. Recebeu 5.676 votos e conseguiu se eleger.

No exercício do seu mandato na Câmara Municipal, priorizou a agenda da cidadania. Nas eleições de 2014, concorreu a uma vaga como deputada federal pelo estado de Santa Catarina, nos quadros do PSDB, dentro da coligação “A Força para a Mudança”. Recebeu 52.757 votos e conseguiu se eleger, tendo renunciado ao mandato de vereadora para assumir a cadeira na Câmara dos Deputados, em 2015.

No exercício do mandato na Câmara dos Deputados, integrou comissões permanentes e especiais, além de comissões externas. No primeiro caso, atuou como segunda vice-presidente da Comissão de Seguridade Social e da Família e terceira vice-presidente da Comissão de Trabalho de Administração e Serviço Público. Também atuou como titular da Comissão de Defesa dos Direitos da Pessoa Idosa e da Comissão de Defesa dos Direitos da Mulher. Quanto às comissões especiais, atuou como segunda vice-presidente da proposta de emenda constitucional n. 181, de 2015 que trata da Licença Maternidade para Pessoas com Bebês Prematuros; também foi a terceira vice-presidente do projeto de lei n. 162, de 2015 que trata dos Direitos do Agente Comunitário de Saúde. Sendo titular das Comissões especiais sobre o projeto de lei 6583, de 2013 sobre o Estatuto da Família; da Comissão sobre o Financiamento da Atividade Sindical e da Comissão que sobre a proposta de emenda constitucional n. 250, de 2008 que Efetiva o Empregado na Extinção da Empresa. Além de atuar como titular da Comissão externa sobre a Situação de Emergência em Xanxerê, Santa Catarina; da Comissão de Acompanhamento e Apuração dos Crimes de Estupro; e da Comissão sobre a Situação de Emergência do Município de Tubarões em Santa Catarina.

Concorreu à reeleição para a Câmara dos Deputados nos quadros do PSDB, dentro da coligação “Santa Catarina Mais Forte”. Recebeu 101.937 votos e foi reconduzida ao cargo.

Durante o segundo mandato na Câmara dos Deputados, foi nomeada presidente do PSDB de Santa Catarina e serviu como segunda suplente da mesa diretora.

Cursou administração de empresas na Universidade do Extremo Sul Catarinense (UNESC).

Casou-se com Senair Rodrigues, com quem teve duas filhas.

 

Luiza de Araújo Farias (em colaboração)


Fontes:
Portal da Câmara dos Deputados (https://www.camara.leg.br/). Acesso em: 23/04/2022. Portal da Câmara Municipal de Criciúma (https://www.camaracriciuma.sc.gov.br/). Acesso em: 23/04/2022. Portal do Tribunal Superior Eleitoral (https://divulgacandcontas.tse.jus.br/divulga/#/). Acesso em: 23/04/2022. Site do CEPESP (http://shiny.cepesp.io/cepesp_carreiras/). Acesso em: 23/04/2022. Site Memória Política (https://memoriapolitica.alesc.sc.gov.br/). Acesso em: 23/04/2022. Portal do Sindicato dos Trabalhadores Ceramistas de Criciúma e Região (https://www.sindicatoceramistas.com.br/evento/itaci-e-reeleito-na-feticom-85). Acesso em: 23/04/2022. Site do G1 (https://g1.globo.com/). Acesso em: 23/04/2022.

Para enviar uma colaboração ou guardar este conteúdo em suas pesquisas clique aqui para fazer o login.

CPDOC | FGV • Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil
Praia de Botafogo, 190, Rio de Janeiro - RJ - 22253-900 • Tels. (21) 3799.5676 / 3799.5677
Horário da sala de consulta: de segunda a sexta, de 9h às 16h30
© Copyright Fundação Getulio Vargas 2009. Todos os direitos reservados