Talíria Petrone Soares

Ajuda
Busca

Acervos
Tipo
Verbete

Detalhes

Nome: PETRONE, Talíria
Nome Completo: Talíria Petrone Soares

Tipo: BIOGRAFICO


Texto Completo:

PETRONE, Talíria 

*dep. fed. (RJ) 2019- 

 

Talíria Petrone Soares nasceu em Niterói (RJ) no dia 9 de abril de 1985, filha de Carmo José de Lima Soares, músicoe Patrícia Petrone Soaresprofessora. 

Concluiu a graduação em história pela Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ) no ano de 2009 e, dez anos depois, em 2019tornou-smestre em serviço social pela Universidade Federal Fluminense (UFF). Atuou como professora de história da rede públicalotada na Secretaria de Educação do Estado do Rio de Janeirolecionando em São Gonçalo (RJ) e Niterói.  

Iniciou a militância política em 2010, quando se filiou ao Partido Socialismo e Liberdade (PSOL). Foi candidata pelo partido ao posto de vereadora em Niterói, em 2012. Recebeu 21 votos e ficou com a suplência. 

A partir de 2012, passou a lecionar no curso de pré-vestibular da Redes da Maré, uma organização não-governamental sediada no município do Rio de Janeiro com o propósito de desenvolver ações sociais para um total de 16 comunidades carentes em seu entorno. Nesse processo, conheceu a correligionária Marielle Franco, com quem passou a atuar na defesa de causas ligadas às comunidades negra e LGBTQI+, como também bandeiras do movimento feminista.  

Retornou à disputa por uma cadeira na Câmara dos Vereadores de Niterói em 2016, também pelo PSOL. Foi a mais votada para o cargo e se elegeu com 5.121 votos. No exercício do mandatopresidiu a Comissão de Direitos Humanos, da Criança e do AdolescenteDenunciou atuação irregular da Polícia Militar do Rio de Janeiro, em conjunto com a Secretaria Municipal de Assistência Social do município, por recolher compulsoriamente às delegacias de polícia pessoas em situação de rua. Em coautoria com o vereador Paulo Eduardo Gomes (PSOL), apresentou o projeto que deu origem à Lei municipal n. 3.321, de 2017, relativa a medidas de prevenção e combate ao assédio sexual de mulheres nos meios de transporte de Niterói. 

Em novembro de 2017, registrou queixa-crime contra ameaças anônimas recebidas e que também se estendiam aseu partido, intimidado pela possibilidade de ter a própria sede explodida. Dali em diante, passou a ter uma escolta policial 

Lançou candidatura pelestado do Rio de Janeiro a uma vaga na Câmara dos Deputados durante as eleições de 2018, na legenda do PSOL. Foi eleita deputada federal com 107.317 votos, a segunda mais votada do PSOL e a nona do estado do Rio de Janeiro. Cerca de seis meses após assumir o mandato, passou contar com a escolta da Polícia Legislativa em Brasília (DF) devido à descoberta de ameaças contra sua vida por parte de grupos extremistas revelada durante uma investigação da Polícia Federal 

No exercício do mandato na Câmara dos Deputados, foi titular da Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJC) e assinou, juntamente com o deputado federal Marcelo Freixo (PSOL), suplente do partido na Comissão, o voto em separado contra a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) n. 6, de 2019, que modificou o sistema de previdência social. No voto em separadoargumentou pela inconstitucionalidade da proposta, entre outros motivos, por representar prejuízo às mulheresimpactar de forma desproporcional, a categoria de professores e professorasTambém integrou, como titular, a Secretaria da Mulher; e o Grupo de Trabalho Licenciamento Ambiental. Foi suplente da Comissão de Seguridade Social e Família (CSSF); da Comissão Especial do Código de Processo Penal; da Comissão Especial Sobre Medicamentos Formulados com CannabisParticipou das Frente Parlamentar Ambientalistacomo secretária geralda Frente Parlamentar Feminista e Antirracista, que coordenou. 

Casou-se com Felipe e teve uma filha.  

 

Rodrigo Guimarães Saturnino Braga 

 

FONTES: SOARES, Talíria PetroneMulheres negras em Niterói – Desmistificando a “cidade sorriso”. 2019. Dissertação (mestrado em serviço social). Universidade Federal Fluminense (UFF), Niterói, 2019. ADORNO, Luís e COSTA, Flávio. Inquérito revela ameaças a Marielle e Talíria Petrone antes do assassinato. In: Uol notícias, 05/11/2019. Disponível em: https://noticias.uol.com.br/cotidiano/ultimas-noticias/2019/11/05/inquerito-revela-ameacas-a-marielle-e-taliria-petrone-antes-de-assassinato.htm. Acesso em 10/06/2020; CÂMARA DOS DEPUTADOS. Biografia de Talíria Petrone. In: Portal da Câmara dos Deputados.  Disponível em: https://www.camara.leg.br/deputados/204464/biografia. Acesso em 05/06/2020G1. Deputados Federais eleitos no RJ; veja a lista. In: Globo.com, 07/10/2018. Disponível emhttps://g1.globo.com/rj/rio-de-janeiro/eleicoes/2018/noticia/2018/10/07/veja-quais-foram-os-deputados-federais-eleitos-no-rj.ghtmlAcesso em 06/06/2020JANSEN, Roberta. Amiga de Marielle, deputada Talíria Petrone volta a sofrer ameaças de morte. In: ESTADÃO conteúdo – uol notícias, 27/06/2019. Disponível em: https://noticias.uol.com.br/ultimas-noticias/agencia-estado/2019/06/27/deputada-taliria-petrone-volta-a-ser-vitima-de-ameacas-de-morte.htmAcesso em 06/06/2020LEAL, Arthur. Deputada Talíria Petrone, do PSOL, revela que PF descobriu plano para matá-la, e diz que Witzel ignora pedidos de escolta no Rio. In: O Globo digital, 27/06/2019. Disponível em: https://oglobo.globo.com/rio/deputada-taliria-petrone-do-psol-revela-que-pf-descobriu-plano-para-mata-la-diz-que-witzel-ignora-pedidos-de-escolta-no-rio-23769352Acesso em 05/06/2020LEIS MUNICIPAIS (leismunicipais.com.br). Disponível em: https://leismunicipais.com.br/a/rj/n/niteroi/lei-ordinaria/2017/333/3321/lei-ordinaria-n-3321-2017-dispoe-sobre-medidas-de-prevencao-e-combate-ao-assedio-sexual-de-mulheres-nos-meios-de-transporte-coletivo-no-ambito-da-cidade-de-niteroi-e-da-outras-providenciasAcesso em 05/06/2020SALLES, Stefano. Talíria Petrone, vereadora do PSOL: ‘Recuar não está em nosso horizonte. In: O Globo digital, 19/03/2018. Disponível emhttps://oglobo.globo.com/rio/bairros/taliria-petrone-vereadora-do-psol-recuar-nao-esta-em-nosso-horizonte-22499173. Acesso em 10/06/2020O SÃO GONÇALO. Projeto que combate assédio sexual nos ônibus é aprovado na Câmara de Niterói. In: O São Gonçalo, 29/09/2017. Disponível em : https://www.osaogoncalo.com.br/politica/28248/projeto-que-combate-assedio-sexual-nos-onibus-e-aprovado-na-camara-de-niteroiAcesso em 05/06/2020TALÍRIA PETRONE – DEPUTADA FEDERAL. Disponível em https://www.taliriapetrone.com.br/. Acesso em 05/06/2020TODA POLÍTICA – ELEIÇÕES 2016. Vereadores eleitos de Niterói (RJ). Disponível em: https://www.todapolitica.com/eleicoes-2016/candidatos-vereador-niteroi-rj/Acesso em 05/06/2020TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL DO RIO DE JANEIRO (TRE - RJ). Eleições; eleições 2016; resultado das eleições 2016; resultados de votação de candidatos por município – 1º turno. Disponível em: https://www.tre-rj.jus.br/site/eleicoes/index.jsp?vmenu=2016/resultados/resultados.jsp&vmenu_aux=2016#Acesso em 10/06/2020___ . Eleições; 2012; resultado da votação; candidatos por município. Disponível em: https://www.tre-rj.jus.br/site/eleicoes/index.jsp?vmenu=2012/resultados/municipio/municipio.jsp&pag=1&vmenu_aux=2012Acesso em 10/06/2020TRIBUNAL SUPERIOR ELEITORAL (TSE). Divulgação de candidaturas e contas eleitorais. Eleição geral federal 2018; Talíria Petrone. Disponível em: http://divulgacandcontas.tse.jus.br/divulga/#/candidato/2018/2022802018/RJ/190000602120Acesso em 10/06/2020. VASCONCELOS, Caê‘Ideologia mata’, diz PM ao reprimir candidata negra. In: Ponte, 16/08/2018. Disponível em: https://ponte.org/vereadora-taliria-petrone-denuncia-abuso-policial-durante-campanha-eleitoral/Acesso em 06/06/2020.  

 

Para enviar uma colaboração ou guardar este conteúdo em suas pesquisas clique aqui para fazer o login.

CPDOC | FGV • Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil
Praia de Botafogo, 190, Rio de Janeiro - RJ - 22253-900 • Tels. (21) 3799.5676 / 3799.5677
Horário da sala de consulta: de segunda a sexta, de 9h às 16h30
© Copyright Fundação Getulio Vargas 2009. Todos os direitos reservados