ARAMIS TABORDA DE ATAIDE

Ajuda
Busca

Acervos
Tipo
Verbete

Detalhes

Nome: ATAÍDE, Aramis de
Nome Completo: ARAMIS TABORDA DE ATAIDE

Tipo: BIOGRAFICO


Texto Completo:
ATAÍDE, ARAMIS DE

ATAÍDE, Aramis de

*const. 1946; dep. fed. PR 1946-1951, 1954; min. Saúde 1954-1955.

 

Aramis Taborda de Ataíde nasceu em Curitiba no dia 12 de dezembro de 1900, filho do capitão Aristides Ataíde e de Benedita de Jesus Taborda de Ataíde.

Fez os estudos primários na Escola Americana e no Colégio Júlio Teodorico, e os secundários no Ginásio Paranaense, todos em sua cidade natal. Em 1924 diplomou-se pela Faculdade de Medicina do Paraná com uma tese sobre o estudo clínico dos tremores.

Ingressou em seguida na Polícia Militar do seu estado no posto de primeiro-tenente médico, passando em 1925 a médico do Exército por concurso público. Em 1927 obteve a livre-docência da cadeira de medicina legal da Faculdade de Medicina do Paraná, com a tese Sinais de morte, e, no ano seguinte, o título de professor catedrático de patologia médica da mesma faculdade com as teses Icterícia hemolítica e Diagnóstico da insuficiência hepática.

Com o fim do Estado Novo em outubro de 1945 e a redemocratização do país, elegeu-se no pleito de dezembro do mesmo ano deputado à Assembléia Nacional Constituinte pelo Paraná, na legenda do Partido Social Democrático (PSD), que ajudou a fundar. Assumindo o mandato em fevereiro de 1946, participou dos trabalhos constituintes e, após a promulgação da nova Constituição em setembro desse mesmo ano, passou a exercer o mandato ordinário, participando da Comissão de Serviço Público Civil da Câmara dos Deputados. Ainda em 1946 chegou a major médico do Exército.

Em outubro de 1950, reelegeu-se deputado federal na mesma legenda, atuando na nova legislatura como membro da Comissão de Saúde da Câmara. Licenciou-se do mandato entre 1951 e 1954, para ocupar as pastas do Interior e Justiça e de Educação e Saúde do Paraná, durante o governo de Bento Munhoz da Rocha (1951-1955). Reassumindo o exercício do mandato em 1954, após o suicídio do presidente Getúlio Vargas em agosto daquele ano e a posse do vice-presidente João Café Filho na chefia do governo, foi convidado para o cargo de ministro da Saúde, em substituição a Mário Pinotti. Deixando a Câmara, assumiu aquela pasta ainda em setembro de 1954.

Em novembro de 1955, após o movimento militar do dia 11, liderado pelo general Henrique Teixeira Lott, que acarretou o impedimento de Carlos Luz e de Café Filho, substituídos na presidência da República por Nereu Ramos, exonerou-se do cargo, sendo substituído por Maurício Campos de Medeiros. Em outubro de 1962, tentou voltar à Câmara dos Deputados, disputando uma vaga na legenda do PSD, mas não foi bem-sucedido.

Em sua carreira militar alcançou o posto de tenente-coronel médico. Ao longo da sua vida exerceu ainda os cargos de secretário de Interior e Justiça e de Educação e Saúde do Paraná, fundou o Hospital da Cruz Vermelha no seu estado, dirigindo-o por vários anos, e foi um dos restauradores da Santa Casa de Misericórdia paranaense. Participou também de diversos congressos médicos no Brasil e foi membro de associações médicas do Paraná e do Rio de Janeiro. Colaborou nos periódicos A República, Diário da Tarde e Gazeta do Povo.

Faleceu no dia 27 de março de 1971.

Era casado com Maria Zorah da Rocha Ataíde, com quem teve três filhos.

Além das teses mencionadas e de colaborações em diversas revistas, publicou Aspectos médico-sanitários do Brasil (1949), O Paraná e a economia ervateira no Plano Salte (1950), Debate em torno do problema ervateiro (1951), Considerações sobre problemas sanitários da Amazônia (1955).

Lorenzo Aldé

 

FONTES: BRAGA, S. Quem foi quem; CAFÉ FILHO, J. Sindicato; CÂM. DEP. Deputados brasileiros (1946-1967); CÂM. DEP. Relação dos dep.; CISNEIROS, A. Parlamentares; COUTINHO, A. Brasil; Diário do Congresso Nacional; Encic. Mirador; HIRSCHOWICZ, E. Contemporâneos; MIN. GUERRA. Almanaque (1955); MIN. GUERRA. Subsídios; MOREIRA, J. Dic.; NICOLAS, M. Cem; SILVA, G. Constituinte; TRIB. SUP. ELEIT. Dados (1 e 2); VELHO SOBRINHO, J. Dic.

 

Para enviar uma colaboração ou guardar este conteúdo em suas pesquisas clique aqui para fazer o login.

CPDOC | FGV • Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil
Praia de Botafogo, 190, Rio de Janeiro - RJ - 22253-900 • Tels. (21) 3799.5676 / 3799.5677
Horário da sala de consulta: de segunda a sexta, de 9h às 16h30
© Copyright Fundação Getulio Vargas 2009. Todos os direitos reservados