BENEDITO MANSOS MERGULHAO

Ajuda
Busca

Acervos
Tipo
Verbete

Detalhes

Nome: MERGULHÃO, Benedito
Nome Completo: BENEDITO MANSOS MERGULHAO

Tipo: BIOGRAFICO


Texto Completo:
MERGULHÃO, BENEDITO

MERGULHÃO, Benedito

*jornalista; dep. fed. DF 1951-1955.

 

Benedito Mansos Mergulhão nasceu no Rio de Janeiro, então Distrito Federal, em 21 de maio de 1901, filho do comerciante Eduardo Augusto Mergulhão e de Adelina Costa Mergulhão.

Bacharelou-se em ciências e letras em 1929. Exerceu as funções de jornalista e tipógrafo, foi um dos fundadores do jornal A Vanguarda e redator do diário A Noite. Enquanto comentarista político dirigiu o programa Astros e ostras nas rádios Cruzeiro do Sul e Mayrink Veiga.

Iniciou sua vida política elegendo-se em janeiro de 1947 vereador à Câmara Municipal do Distrito Federal na legenda do Partido Republicano (PR). Contudo, no ano seguinte renunciou ao seu mandato e assumiu a diretoria da Divisão de Rádio da Agência Nacional. No pleito de 1950 elegeu-se primeiro suplente de deputado federal pelo Distrito Federal na legenda do Partido Trabalhista Brasileiro (PTB), tomando posse em março de 1951. Em 1954 tornou-se funcionário do Instituto Brasileiro do Café (IBC), onde chegaria ao cargo de diretor. No pleito de outubro deste ano, tentou a reeleição, pela legenda do PTB, não sendo bem-sucedido. Ao final da legislatura, em janeiro de 1955, deixou a Câmara dos Deputados, não voltando a concorrer a cargos públicos eletivos.

Foi também subdiretor da Renda Mercantil.

Faleceu em 25 de setembro de 1966, na cidade do Rio de Janeiro.

Era casado com Ondina Verol Mergulhão, com quem teve três filhos.

Publicou Filosofia de um caipora, Salamaleques e pontapés, Ramo de urtiga, Maridos transviados, As mulheres não querem amor, A hora H do café, A santa inquisição do café, O general café na revolução branca de 1937, O homem caiu do céu, Olho de Moscou, O bagageiro de Stalin e O drama de Denise (1963).

 

FONTES: CÂM. DEP. Deputados; CÂM. DEP. Deputados brasileiros (1946-1967); INF. Fernando Mergulhão.

 

Para enviar uma colaboração ou guardar este conteúdo em suas pesquisas clique aqui para fazer o login.

CPDOC | FGV • Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil
Praia de Botafogo, 190, Rio de Janeiro - RJ - 22253-900 • Tels. (21) 3799.5676 / 3799.5677
Horário da sala de consulta: de segunda a sexta, de 9h às 16h30
© Copyright Fundação Getulio Vargas 2009. Todos os direitos reservados