GUIMARÃES, Eduardo

Ajuda
Busca

Acervos
Tipo
Verbete

Detalhes

Nome: GUIMARÃES, Eduardo
Nome Completo: GUIMARÃES, Eduardo

Tipo: BIOGRAFICO


Texto Completo:
COLIN, OSVALDO

GUIMARÃES, Eduardo

*pres. Bco Bras. 2001-2002.

 

Eduardo Augusto de Almeida Guimarães nasceu no Rio de Janeiro, então Distrito Federal, no dia 9 de janeiro de 1946.

Graduado em engenharia civil e economia pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), obteve o título de mestre em engenharia de produção pela COPPE/UFRJ e o de doutor em economia pelo University College of London (UCL), na Inglaterra.

De 1969 a 1975, foi economista do Instituto de Planejamento Econômico e Social do Ministério do Planejamento. Nesse último ano, foi aprovado em concurso para a Financiadora de Estudos e Projetos (Finep), onde permaneceria até 1990. Foi ainda diretor de pesquisa (1986-1987), diretor-geral (1987-1988) e presidente (1990- 1992) da Fundação Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Nessa função, participou das discussões sobre o processo de substituição dos censos econômicos por estatísticas anuais de base cadastral e da reforma administrativa, que incluiu a fusão de diretorias, a revisão do programa de pesquisa, a reestruturação da rede de coleta e a criação do Centro de Documentação e Disseminação de Informações. Foi também responsável por demissões e enfrentou greves decorrentes da oposição do movimento sindical à política do governo Fernando Collor (1990-1992) e das reivindicações gerais e específicas do funcionalismo. Paralelamente, foi vice-presidente da Comissão de Estatística da ONU de 1991 a 1992.

Entre 1996 e 1999 foi secretário do Tesouro Nacional do Ministério da Fazenda, na gestão do ministro Pedro Malan. Presidiu o Banco do Estado de São Paulo (Banespa) em 1999 e 2000. Membro do conselho de administração, em março de 2001 foi nomeado presidente do Banco do Brasil pelo ministro Pedro Malan, em substituição a Paolo Enrico Zaghen. Permaneceu no cargo até 31 de dezembro de 2002, quando se encerrou o segundo governo de Fernando Henrique Cardoso. Em 30 de abril de 2004 foi eleito membro do comitê de auditoria do Unibanco.

Participou ainda dos conselhos de administração da Caixa Econômica Federal, do BNDES Participações (BNDESPar) e do Banco Nossa Caixa. Foi também consultor da Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), do Banco Mundial, do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) e do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), entre outros.

Paralelamente à sua atuação na administração pública, foi professor de economia na Universidade Federal Fluminense (UFF) de 1969 a 1980, professor de economia da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio) e professor titular do Instituto de Economia da UFRJ (1991-1998), onde exerceu o cargo de diretor do Instituto de Economia Industrial.

Fabrício Augusto Souza Gomes

 

FONTES: ARQ. MUSEU HIST. BANCO DO BRASIL; INF. BIOG.

 

Para enviar uma colaboração ou guardar este conteúdo em suas pesquisas clique aqui para fazer o login.

CPDOC | FGV • Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil
Praia de Botafogo, 190, Rio de Janeiro - RJ - 22253-900 • Tels. (21) 3799.5676 / 3799.5677
Horário da sala de consulta: de segunda a sexta, de 9h às 16h30
© Copyright Fundação Getulio Vargas 2009. Todos os direitos reservados