PERIM, RONALDO

Ajuda
Busca

Acervos
Tipo
Verbete

Detalhes

Nome: PERIM, Ronaldo
Nome Completo: PERIM, RONALDO

Tipo: BIOGRAFICO


Texto Completo:
PERIM, RONALDO

PERIM, Ronaldo

*dep. fed. MG 1991-1992, 1993-1999.

Ronaldo Perim nasceu em Castelo (ES), no dia 24 de agosto de 1940, filho do empresário Antenor Geraldo Perim e de Zélia Costa Perim.

Filiado em 1968 ao Movimento Democrático Brasileiro (MDB), partido de oposição ao regime militar instaurado no país em abril de 1964, elegeu-se vice-prefeito de Governador Valadares (MG) no pleito de novembro de 1976, assumindo o mandato no início do ano seguinte.

Com o fim do bipartidarismo, em novembro de 1979, e a conseqüente reformulação partidária, ingressou no Partido do Movimento Democrático Brasileiro (PMDB), sucessor do MDB. Nas eleições de novembro de 1982 foi eleito prefeito de Governador Valadares. Em 1987, participou de um seminário sobre sistema tributário na Alemanha Ocidental, a convite do Senado de Berlim. Deixou a prefeitura em dezembro de 1988.

No pleito de outubro de 1990 candidatou-se a uma cadeira na Câmara dos Deputados por Minas Gerais, obtendo a segunda suplência. Assumiu o mandato em 20 de março de 1991, em substituição a Bonifácio de Andrada, que se licenciara para assumir a Secretaria de Administração e Recursos Humanos no governo de Hélio Garcia (1991-1995), e participou dos trabalhos legislativos como titular da Comissão de Educação, Cultura e Desporto, e suplente da Comissão de Economia, Indústria e Comércio e da Comissão Parlamentar de Inquérito sobre a reforma administrativa e o fechamento de agências e postos de serviço do Banco do Brasil.

Em 3 de junho de 1992 retornou à suplência, cedendo o lugar ao deputado Tarcísio Delgado que deixara a Secretaria de Trabalho e Ação Social. Em janeiro de 1993 reassumiu a cadeira e foi efetivado na vaga do deputado Luís Tadeu Leite, que renunciara ao mandato. Titular da Comissão de Viação e Transportes foi suplente da Comissão de Desenvolvimento Urbano e Interior.

Votou a favor da criação do Fundo Social de Emergência (FSE), que permitia ao governo gastar até 20% da arrecadação vinculada às áreas de saúde e de educação, e contra o fim do voto obrigatório.

Reeleito deputado federal por Minas Gerais em outubro de 1994, sempre pelo PMDB, assumiu a cadeira no início do ano seguinte, tornando-se primeiro-vice-presidente da Câmara dos Deputados.

Nas votações das emendas constitucionais propostas pelo governo Fernando Henrique Cardoso em 1995 votou a favor da quebra do monopólio estatal nos setores de telecomunicações, exploração de petróleo, distribuição de gás canalizado e navegação de cabotagem; da mudança no conceito de empresa nacional; da prorrogação do FSE, rebatizado como Fundo de Estabilização Fiscal (FEF).

Em julho de 1996 deu seu voto à Contribuição Provisória sobre Movimentação Financeira (CPMF), fonte suplementar de recursos destinados à saúde. Em janeiro de 1997 apoiou a emenda constitucional que permitiu a reeleição de presidente da República, governadores e prefeitos. E em novembro, a emenda constitucional que pôs fim à estabilidade dos funcionários públicos.

Candidato à reeleição no pleito de outubro de 1998 pela legenda do PMDB mineiro, obtendo uma suplência. Em novembro, ainda votou pela fixação do teto de 1.200 reais, para a aposentadoria dos servidores públicos, e a favor da idade mínima e tempo de contribuição, para os trabalhadores do setor privado. Deixou a Câmara dos Deputados ao término da legislatura, em janeiro de 1999.

Retornou ao exercício do mandato de deputado federal em 30 de junho de 1999, com o afastamento do titular. Em agosto, licenciou-se e assumiu a Secretaria de Habitação e Desenvolvimento Urbano do estado de Minas Gerais na gestão de Itamar Franco (1999-2003). Desincompatibilizou-se em abril de 2002 para disputar as eleições daquele ano. Em outubro, candidatou-se a deputado federal, sempre no PMDB, e obteve uma suplência.

Ronaldo Perim cursou até o segundo grau no Colégio Ibituruna, em Governador Valadares (MG).

Casado com Maria da Conceição Rodrigues Perim, teve quatro filhos.

FONTES: ASSEMB. LEGISL. MG. Dicionário biográfico; CÂM. DEP. Deputados brasileiros. Repertório (1991-1995 e 1995-1999); Estado de S. Paulo (19/5 e 16/7/96); Folha de S. Paulo (18/9/94, 31/1/95, 14/1/96, 30/1/97, 5/2 e 6/11/98); Globo (15/2/97); TRIB.SUP.ELEIT. Eleições (2002).

 

Para enviar uma colaboração ou guardar este conteúdo em suas pesquisas clique aqui para fazer o login.

CPDOC | FGV • Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil
Praia de Botafogo, 190, Rio de Janeiro - RJ - 22253-900 • Tels. (21) 3799.5676 / 3799.5677
Horário da sala de consulta: de segunda a sexta, de 9h às 16h30
© Copyright Fundação Getulio Vargas 2009. Todos os direitos reservados