FRENTE PATRIOTICA CIVIL-MILITAR

Ajuda
Busca

Acervos
Tipo
Verbete

Detalhes

Nome: FRENTE PATRIÓTICA CIVIL-MILITAR
Nome Completo: FRENTE PATRIOTICA CIVIL-MILITAR

Tipo: TEMATICO


Texto Completo:
FRENTE PATRIÓTICA CIVIL-MILITAR

FRENTE PATRIÓTICA CIVIL-MILITAR

Movimento criado pelo almirante Sílvio Heck em janeiro de 1963, após a realização do plebiscito que, abolindo o regime parlamentarista instaurado em setembro de 1961, devolveu a João Goulart plenos poderes presidenciais. A frente opunha-se ao governo de Goulart e atuava próximo ao Grupo de Ação Patriótica (GAP), organização de direita chefiada por Aristóteles Drummond.

Em dezembro de 1963, o jornal carioca Correio da Manhã publicou o programa da frente. Entre outros pontos, defendia-se o estabelecimento no país de “um governo realmente democrático... alicerçado na união do povo organizado com as forças armadas”, o combate a todas as formas de corrupção, a solução do problema agrário mediante legislação que atendesse às diversas situações regionais do campo brasileiro, o combate à inflação e à carestia, a abolição de todas as formas de intervenção do Estado nos sindicatos e a fixação de uma política externa que consagrasse “nossa independência na interdependência e nossa vocação latino-americana”.

FONTE: Correio da Manhã (19/12/63).

 

Para enviar uma colaboração ou guardar este conteúdo em suas pesquisas clique aqui para fazer o login.

CPDOC | FGV • Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil
Praia de Botafogo, 190, Rio de Janeiro - RJ - 22253-900 • Tels. (21) 3799.5676 / 3799.5677
Horário da sala de consulta: de segunda a sexta, de 9h às 16h30
© Copyright Fundação Getulio Vargas 2009. Todos os direitos reservados