George Vidor Mello

Entrevista

George Vidor Mello

Entrevista realizada no contexto do projeto "Cultura e política no Brasil no final do século: a mídia", desenvolvida por Alzira Alves de Abreu. É parte integrante do projeto "Brasil em transição: um balanço do final do século XX", desenvolvido pelo CPDOC, a partir de dezembro de 1996, com apoio do Programa de Apoio a Núcleos de Excelência (Pronex) do Ministério da Ciência e Tecnologia. O projeto resultou na publicação do livro "ELES mudaram a imprensa: depoimentos ao CPDOC" / Organizadores Alzira Alves de Abreu, Fernando Lattman-Weltman e Dora Rocha. Rio de Janeiro: Ed. Fundação Getulio Vargas, 2003. Este depoimento, no entanto, não foo publicado no livro. A escolha do entrevistado se justificou por ser jornalista da editoria de economia do jornal O Globo.
Forma de Consulta:

Tipo de entrevista: Temática
Entrevistador(es):
Alzira Alves de Abreu
Data: 13/12/2000
Local(ais):
Rio de Janeiro ; RJ ; Brasil

Duração: 2h5min

Dados biográficos do(s) entrevistado(s)

Nome completo: George Vidor Mello
Nascimento: 22/9/1952; Rio de Janeiro; RJ; Brasil;

Formação: Economia.
Atividade: Jornalista.

Equipe

Levantamento de dados: Alzira Alves de Abreu;
Pesquisa e elaboração do roteiro: Alzira Alves de Abreu;

Transcrição: Lia Carneiro da Cunha;

Técnico Gravação: Clodomir Oliveira Gomes;

Temas

Agradecimentos;
Atividade profissional;
Colégio Pedro II;
Contrato de risco;
Delfim Neto;
Editoração;
Família;
Formação profissional;
Imprensa;
Internet;
Jornal do Brasil;
Jornalismo;
Liberdade de expressão;
Liberdade de imprensa;
Mário Henrique Simonsen;
Movimento estudantil;
O Globo;
Opinião pública;
Partido Comunista Brasileiro - PCB;
Política editorial;
Política salarial;
Preso político;
Regime militar;

Sumário

Sumário: Luíza Angélica Lisboa Pinto
Entrevistado: George Vidor Mello
Local da entrevista: Rio de Janeiro
Entrevistadores: Alzira Abreu e Fernando Weltman
Duração: 2 horas e 16 minutos
Nome do projeto: Cultura e política no Brasil no final do século: a mídia

Entrevista - 13 de dezembro de 2000.


Origem familiar. Sobre pré-adolescência e seu contato com movimento político. Movimento estudantil e o jornal no Colégio Pedro II. A promoção que ganhou no jornal Correio da Manhã. Cassação da matrícula no Colégio Pedro II durante o regime militar. Ligações com Partido Comunista Brasileiro. Estágio no jornal Correio da Manhã. Comentário sobre as matérias que escrevia. Suplemento Correio Econômico. Mudança para editoria econômica. Demissão e retorno ao Correio da Manhã. Breve relato sobre prisão no regime militar. O trabalho no Tribuna da Bahia, no Boletim Cambial e na Gazeta Mercantil. Breve comentário sobre editoria econômica do Jornal do Brasil. A entrada do Ismar Cardona no jornal O Globo. Ida para jornal O Globo. A linha editorial da economia no O Globo. O caderno Panorama Econômico, do jornal O Globo. O trabalho no O Globo. A diferença entre as editorias de economia do Jornal do Brasil e O Globo. Comentário sobre o “economês”. A capacitação da equipe. O ritmo de trabalho do O Globo. A distinção do período Simonsen e Delfim. Comparação sobre fontes na atualidade e dos anos 70. Observação sobre a capacitação dos jornalistas. Sobre a Associação dos Jornalistas Especializados em Economia e Finanças. Relato sobre o Panorama Econômico. Esclarecimento sobre a campanha contra os contratos de risco. Curto comentário sobre a liberdade de editoria. A questão salarial da equipe econômica. Promoção para editor no O Globo. O caso da matéria sobre almoço do Delfim, em Paris, e sua demissão. A ida para Jornal do Brasil como editor de economia e o viés editorial. Breve passagem pela revista Veja. Convite para ir para Gazeta Mercantil e o seu trabalho lá. O retorno para O Globo. Trabalho na Globo News e na mídia eletrônica. A distinção entre Gazeta Mercantil, o Globo e Jornal do Brasil. A mudança do perfil do jornalista. O papel do jornal na sociedade. Agradecimentos.
Para enviar uma colaboração ou guardar este conteúdo em suas pesquisas clique aqui para fazer o login.

CPDOC | FGV • Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil
Praia de Botafogo, 190, Rio de Janeiro - RJ - 22253-900 • Tels. (21) 3799.5676 / 3799.5677
Horário da sala de consulta: de segunda a sexta, de 9h às 16h30
© Copyright Fundação Getulio Vargas 2009. Todos os direitos reservados