Moisés Velinho

Entrevista

Moisés Velinho

Entrevista realizada no contexto da pesquisa "Trajetória e desempenho das elites políticas brasileiras", parte integrante do projeto institucional do Programa de História Oral do CPDOC, em vigência desde a sua criação em 1975. Trechos da entrevista foram publicados no livro GETÚLIO: uma história oral. / Valentina da Rocha Lima (Coordenação) ; Dora Rocha...[et al]. Rio de Janeiro: Record, 1986. 321. il. A escolha do entrevistado se justificou por sua trajetória política.
Forma de Consulta:
Entrevista datilografada disponível na Sala de Consulta do CPDOC.

Tipo de entrevista: Temática
Entrevistador(es):
Rosa Maria Barbosa de Araújo
Alírio Eberhardt
Data: 16/8/1977
Local(ais):
Porto Alegre ; RS ; Brasil

Duração: 2h0min

Dados biográficos do(s) entrevistado(s)

Nome completo: Moisés Vellinho
Nascimento: 6/1/1902; Santa Maria; RS; Brasil;

Falecimento: 27/8/1980; Porto Alegre; RS; Brasil;

Formação:
Atividade: Escritor e político gaúcho.

Equipe

Levantamento de dados: Rosa Maria Barbosa de Araújo;Alírio Eberhardt;
Pesquisa e elaboração do roteiro: Rosa Maria Barbosa de Araújo;Alírio Eberhardt;

Conferência da transcrição: Maria Teresa Lopes Teixeira;

Copidesque: Maria Teresa Lopes Teixeira;

Técnico Gravação: Clodomir Oliveira Gomes;

Temas

Aliança Liberal (1929);
Assembleia Nacional Constituinte de 1934;
Constituição federal (1934);
Estado Novo (1937-1945);
Getúlio Vargas;
Governo Provisório (1930-1934);
Integralismo;
Lindolfo Collor;
Moisés Velinho;
Nazismo;
Oswaldo Aranha;
Partido Republicano Liberal - PRL;
Partido Republicano Riograndense - PRR;
Política estadual;
República Velha (1889-1930);
Revolução Constitucionalista (1932);
Revolução de 1930;
Rio Grande do Sul;
Washington Luís;

Sumário

1a Entrevista: a união do Rio Grande: o Partido Libertador e o Partido Republicano Riograndense; a sucessão presidencial; o Congresso dos Municípios; a Frente Única; Washington Luís; pacto entre Getulio e Washington Luís; a entrevista de Borges de Medeiros e A Noite; atrito entre Getulio e João Neves; Lindolfo Collor e o Ministério do Trabalho; Carlos Cavaco e Joaquim Pimenta: as propostas sociais; a Aliança Liberal; a Constituição de 14 de Julho; a situação econômica; Getulio rompe compromisso com a Aliança Liberal; inquietação dos partidos tradicionais do Rio Grande; o Rompimento do Rio Grande e a criação do Partido Republicano Liberal; a influência dos tenentes; Góis Monteiro; empastelamento do Diário Carioca; João Alberto e o governo de São Paulo; Osvaldo Aranha e o Clube 3 de Outubro; a Revolução de 1932: Flores da Cunha; a dissidência liberal: o nascimento e a ação; a ruptura de Vargas com Flores da Cunha; a família e a política; o modus vivendi; a divisão da política riograndense: liberais versus presidencialistas; o período republicano; o Pacto de Pedras Altas; Vargas e o congraçamento; Flores da Cunha e os problemas sociais; Collor e a legislação trabalhista; o paternalismo de Vargas; a federação; a dissidência e a Frente Única; o PRL e os chefes políticos do interior; a Constituição de 1934; a bancada gaúcha e a Constituinte; o Rio Grande e a representação classista; a lei de sindicalização de Collor; o nazismo; a liderança da dissidência; elementos da dissidência e o Estado Novo; o Rio Grande e o Estado Novo; o nazismo; imigrantes italianos e o fascismo; saída da vida política; o convite para a Assembléia; secretaria de Osvaldo Aranha; afinidades com Maurício Cardoso; Osvaldo Aranha; Getulio e a liderança do Partido Republicano; Osvaldo Aranha e a dinamização da administração gaúcha durante o governo estadual de Vargas..1 a 35

Para enviar uma colaboração ou guardar este conteúdo em suas pesquisas clique aqui para fazer o login.

CPDOC | FGV • Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil
Praia de Botafogo, 190, Rio de Janeiro - RJ - 22253-900 • Tels. (21) 3799.5676 / 3799.5677
Horário da sala de consulta: de segunda a sexta, de 9h às 16h30
© Copyright Fundação Getulio Vargas 2009. Todos os direitos reservados