ANTONIO CHALBAUD BISCAIA

Ajuda
Busca

Acervos
Tipo
Verbete

Detalhes

Nome: BISCAIA, Antônio
Nome Completo: ANTONIO CHALBAUD BISCAIA

Tipo: BIOGRAFICO


Texto Completo:
BISCAIA, ANTÔNIO

BISCAIA, Antônio

*dep. fed. PR 1956-1958.

 

Antônio Chalbaud Biscaia nasceu em Curitiba no dia 12 de junho de 1909, filho de João dos Santos Biscaia e de Josefina Chalbaud Biscaia.

Estudou no Colégio Júlio Teodorico e no Ginásio Paranaense, bacharelando-se pela Faculdade de Direito do Paraná em 1933.

Dirigiu a revista Paraná Judiciário a partir de 1942. Elegeu-se suplente de deputado à Assembléia Constituinte do Paraná no pleito de janeiro de 1947 e à Assembléia Legislativa em outubro de 1950.

Professor de direito comercial na Faculdade de Direito da atual Universidade Federal do Paraná (1952-1953) e professor titular da mesma disciplina na Faculdade de Direito da Pontifícia Universidade Católica do Paraná, a partir de 1952, nas eleições de outubro de 1954 candidatou-se a deputado federal pelo Paraná na legenda do Partido Trabalhista Brasileiro (PTB), obtendo novamente apenas uma suplência. Contudo, assumiu a cadeira de abril de 1956 a junho de 1957, em substituição ao deputado Mário Gomes da Silva, e de julho de 1957 a agosto de 1958, quando foi membro da Comissão de Finanças da Câmara dos Deputados e presidente da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para apurar as deficiências do sistema penitenciário do Distrito Federal.

Foi promotor público nos municípios paranaenses de Carlópolis, Morretes, Tomazina, Palmeira e Curitiba. Como advogado, atuou no Departamento de Geografia, Terras e Colonização do Paraná, tendo sido consultor e chefe do departamento jurídico da Secretaria de Viação e Obras Públicas, e consultor jurídico, chefe de gabinete e titular da Secretaria de Agricultura do Paraná. Foi membro e presidente substituto da Comissão de Serviço Público do Paraná. Ocupou o cargo de procurador-geral do estado no período em que se efetuaram a organização e a classificação do funcionalismo público paranaense. Integrou também o quadro especial da Consultoria Geral do Estado do Paraná.

Em 1964, tornou-se presidente da Caixa de Assistência dos Advogados da Ordem dos Advogados do Brasil, seção Paraná, cargo que ocuparia até a sua morte. No ano seguinte, tornou-se diretor jurídico do Fundo Municipal de Telefones, como representante da classe dos advogados, exercendo o cargo até 1973.

Faleceu em Curitiba no dia 4 de outubro de 1982.

Era casado com Francisca Odete Castellano Biscaia, com quem teve cinco filhos.

Tornou-se sócio efetivo do Centro de Letras do Paraná e da Associação Paranaense de Letras. Foi presidente da Federação das Congregações Marianas do Paraná durante mais de dez anos.

 

FONTES: CÂM. DEP. Deputados; CÂM. DEP. Deputados brasileiros. Repertório (1955-1959); NICOLAS, M. Cem.

 

Para enviar uma colaboração ou guardar este conteúdo em suas pesquisas clique aqui para fazer o login.

CPDOC | FGV • Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil
Praia de Botafogo, 190, Rio de Janeiro - RJ - 22253-900 • Tels. (21) 3799.5676 / 3799.5677
Horário da sala de consulta: de segunda a sexta, de 9h às 16h30
© Copyright Fundação Getulio Vargas 2009. Todos os direitos reservados