Antonio José Imbassahy da Silva

Ajuda
Busca

Acervos
Tipo
Verbete

Detalhes

Nome: IMBASSAHY, Antônio
Nome Completo: Antonio José Imbassahy da Silva

Tipo: BIOGRAFICO


Texto Completo:

IMBASSAHY, Antonio

*gov. BA 1994; pref. Salvador 1997-2004; dep. fed. BA 2011-2015

  

Antonio José Imbassahy da Silva nasceu em Salvador em 12 de março de 1948, filho de Orlando Imbassahy da Silva e Maria Conceição Imbassahy da Silva.

Cursou o ensino primário e secundário na Escola Nossa Senhora da Vitória- Maristas, em Salvador. Formou-se em Engenharia Elétrica na Escola Politécnica na Universidade Federal da Bahia (UFBA) em 1969.

Entre 1970 e 1977, trabalhou como engenheiro na Companhia Hidro Elétrica do São Francisco (Chesf). Foi diretor de produção da Companhia de Eletricidade de Manaus (CEM) entre 1978 e 1979, e diretor-presidente da Companhia Elétrica do Estado da Bahia (Coelba), 1979-1984. Presidiu a Associação das Empresas Distribuidoras de Energia do Norte e Nordeste (1983-1984). Foi secretário de Saneamento e Recursos Hídricos da Bahia (1984-1986). Atuou como assistente de gabinete do Ministério das Comunicações durante a gestão do ministro Antonio Carlos Magalhães (1987). Foi diretor administrativo da Telecomunicações da Bahia S.A. (Telebahia), 1988-1989. Presidiu as Centrais Elétricas Brasileiras S.A. (Eletrobrás), 1995-1996. Participou dos conselhos administrativos de várias empresas.

Ingressou na política partidária filiando-se ao Partido da Frente Liberal (PFL), no qual permaneceu até 2004. Em 1990, elegeu-se deputado estadual na Bahia pela legenda do PFL. Na legislatura 1991-1994, atuou como titular nas comissões de Constituição e Justiça; Fiscalização e Controle; e Divisão Territorial e em duas Comissões Parlamentares de Inquérito (CPIs). Em 1993, chegou à presidência da Assembleia Legislativa do Estado da Bahia para o biênio que se iniciava.

No ano seguinte, o então governador da Bahia, Antônio Carlos Magalhães (PFL), e o vice-governador, Paulo Souto (PFL), licenciaram-se dos cargos para concorrer a senador e a governador, respectivamente. Com a vacância no governo do estado da Bahia, por ser o presidente da Assembleia Legislativa, Antonio Imbassahy foi eleito pela Alba para ocupar interinamente o cargo. Renunciou ao mandato de deputado estadual em abril de 1994 e, no mês seguinte, assumiu o cargo, até ser substituído, no início de 1995, por Paulo Souto, vencedor da disputa eleitoral.

Em 1996, já no primeiro turno, elegeu-se prefeito de Salvador na legenda do PFL para o período 1997-2001. Em 2000, reelegeu-se para o cargo, vencendo o pleito novamente no primeiro turno. Cumpriu o segundo mandato (2000-2004) pelo PFL e, após divergências com a direção estadual do partido, desligou-se da legenda em 2005. Migrou para o Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB), do qual foi assumiu a presidência do diretório estadual baiano. Pela legenda, concorreu nas eleições de 2006 pela vaga em disputa no Senado Federal. Na ocasião, porém, recebeu pouco mais de um milhão de votos, que lhe renderam o posto de terceiro mais votado em pleito cuja vaga de representante da Bahia ficou com o candidato do PDT, João Durval, que obteve 2,6 milhões de votos.

Voltou a candidatar-se nas eleições municipais seguintes, ocorridas em 2008. Nestas, porém, não logrou êxito no tento de retornar à prefeitura de Salvador, obtendo apenas a quarta colocação na disputa que reelegeu João Henrique para o cargo, em segundo turno.

Foi eleito, no entanto, dois anos depois, deputado federal pelo estado da Bahia, quando recebeu 112 mil votos, Empossado em Fevereiro seguinte, foi vice-líder do PSDB na Câmara e também vice-presidente da Comissão de Ciência e Tecnologia, Comunicação e Informática. Com atuação destacada na oposição ao governo federal, assumiu, em 2013, papel de líder da minoria no Congresso Nacional.

Foi também 1º secretário nacional do PSDB.

Casou-se com Márcia Maria Dourado e teve três filhas.

 

Rafael Fortes

 

FONTES: Portal da Assembleia Legislativa da Bahia. Disponível em: <http://www.al.ba.gov.br>. Acesso em 27/11/2013. Portal da Câmara dos Deputados. Disponível em: <http://www.camara.leg.br>. Acesso em 27/11/2013; Portal pessoal de Antonio Imbassahy. Disponível em: <http://www.antonioimbassahy.com.br>. Acesso em 27/11/2013; Portal da Eletrobrás. Disponível em: <http://www.eletrobras.com.br/>. Acesso em 27/11/2013.

Para enviar uma colaboração ou guardar este conteúdo em suas pesquisas clique aqui para fazer o login.

CPDOC | FGV • Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil
Praia de Botafogo, 190, Rio de Janeiro - RJ - 22253-900 • Tels. (21) 3799.5676 / 3799.5677
Horário da sala de consulta: de segunda a sexta, de 9h às 16h30
© Copyright Fundação Getulio Vargas 2009. Todos os direitos reservados