CAMARGO, JOSE DE ALMEIDA

Ajuda
Busca

Acervos
Tipo
Verbete

Detalhes

Nome: CAMARGO, José de Almeida
Nome Completo: CAMARGO, JOSE DE ALMEIDA

Tipo: BIOGRAFICO


Texto Completo:
CAMARGO, JOSÉ DE ALMEIDA

CAMARGO, José de Almeida

*const. 1934; dep. fed. SP 1935-1937.

 

José de Almeida Camargo nasceu em Amparo (SP) no dia 1º de outubro de 1903, filho de Laudo Ferreira de Camargo e de Noêmia de Almeida Camargo. Seu pai, jurisconsulto, foi interventor federal em São Paulo em 1931 e ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) de 1932 a 1951.

Fez os primeiros estudos no Ginásio do Estado, em Ribeirão Preto (SP), tendo sido, enquanto estudante, presidente do Centro Ginasial dessa cidade. Ingressou posteriormente na Faculdade de Medicina de São Paulo, onde presidiu o Centro Acadêmico Osvaldo Cruz, diplomando-se em dezembro de 1926. Iniciou a vida profissional como clínico na Sociedade de Beneficência Portuguesa e na Santa Casa de Misericórdia, atuando a partir de 1929 como assistente da Faculdade de Medicina de São Paulo.

Em 1931 tornou-se secretário de seu pai, interventor federal em São Paulo, participando no ano seguinte da Revolução Constitucionalista de São Paulo, na qual lutou como soldado no Batalhão 14 de Julho, comandado pelo major Leite Penteado, sob as ordens do coronel Brasílio Taborda, que atuou na Zona Sul do estado de São Paulo. Indicado pela Federação dos Voluntários de São Paulo — organização que se destacara durante a revolução e da qual foi um dos fundadores e presidente em 1934 — para concorrer em maio de 1933 à Assembléia Nacional Constituinte na legenda da Chapa Única por São Paulo Unido, elegeu-se suplente, assumindo as funções de constituinte em novembro de 1933, em virtude da desistência de Valdomiro Silveira, que não chegou a tomar posse. Com a promulgação da nova Carta em 16 de julho de 1934, teve o mandato estendido até maio de 1935.

Pertenceu à Sociedade de Estudos Políticos, entidade onde se iniciaram os primeiros debates em torno da doutrina integralista, tendo participado de sua coordenação e do setor de higiene e medicina social da mesma.

Faleceu no dia 11 de abril de 1937.

Além de colaborador de diversos jornais e revistas de São Paulo, publicou Introdução ao estudo das síndromes extrapiramidais (tese de doutoramento) e A doutrina de Freud, ambos em 1926.

 

 

FONTES:               ASSEMB. NAC. CONST. 1934. Anais (1); CÂM. DEP. Deputados; Câm. Dep. seus componentes; GODINHO, V. Constituintes; Grande encic. portuguesa; LEITE, A. História; TRINDADE, H. Integralismo; VELHO SOBRINHO, J. Dic.

 

Para enviar uma colaboração ou guardar este conteúdo em suas pesquisas clique aqui para fazer o login.

CPDOC | FGV • Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil
Praia de Botafogo, 190, Rio de Janeiro - RJ - 22253-900 • Tels. (21) 3799.5676 / 3799.5677
Horário da sala de consulta: de segunda a sexta, de 9h às 16h30
© Copyright Fundação Getulio Vargas 2009. Todos os direitos reservados