DAMIANI, ARNOR

Ajuda
Busca

Acervos
Tipo
Verbete

Detalhes

Nome: DAMIANI, Arnor
Nome Completo: DAMIANI, ARNOR

Tipo: BIOGRAFICO


Texto Completo:
DAMIANI, Arnor

DAMIANI, Arnor

* sen. SC 1981; 1986-1987.

 

Arnor Damiani nasceu em Tubarão (SC), no dia 3 de outubro de 1924, filho de Silvestro Domenico Damiani e de Amália Damiani.

Dirigente de empresas ligadas ao transporte rodoviário de passageiros, cargas e turismo no âmbito interestadual, participou ativamente do Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Estado de Santa Catarina, do qual foi suplente do conselho fiscal (1974-1977), secretário (1977-1980) e presidente (1978-1980). Paralelamente, iniciou-se na vida política. Filiado à Aliança Renovadora Nacional (Arena), partido de sustentação do regime militar instalado no país em abril de 1964, elegeu-se suplente do senador Lenoir Vargas no pleito indireto realizado pelo Colégio Eleitoral estadual, em setembro de 1978. Com o fim do bipartidarismo, em novembro de 1979, e a conseqüente reorganização do quadro partidário, ingressou no Partido Democrático Social (PDS), legenda que deu continuidade à linha política da antiga Arena.

Exerceu o mandato pela primeira vez entre 26 de junho e 23 de outubro de 1981, em virtude do impedimento do titular para tratar de assuntos particulares. Delegado representante do seu sindicato junto ao conselho da federação estadual da categoria nos períodos 1980-1983 e 1983-1986, foi membro do Conselho Diretor da Associação Nacional das Empresas de Transportes Rodoviários Interestaduais e Internacionais de Passageiros de1984 a 1985, tendo sido reeleito para nova gestão no biênio 1986-1987. Voltou ao Senado devido ao falecimento de Lenoir Vargas em 1º de agosto de 1986, exercendo o mandato entre 4 de agosto de 1986 e 31 de janeiro de 1987, quando a legislatura chegou ao fim. Nesse período, foi membro efetivo das comissões de Economia, Municípios e Orçamento, tendo sido designado para relatar o anexo orçamentário do Senado. Como membro suplente, participou da Comissão de Legislação Social. Em abril de 1993, ao lado do ex-governador Esperidião Amin e de outras lideranças do PDS catarinense, ingressou no Partido Progressista Renovador (PPR), agremiação criada naquela ocasião, resultado da fusão do PDS com o Partido Democrata Cristão (PDC). Mais tarde, em agosto de 1995, tornou-se membro do Partido Progressista Brasileiro (PPB), constituído pela fusão do PPR com o Partido Progressista (PP). Não voltou, contudo, a disputar cargos eletivos, dedicando-se a atividades empresariais.

 

FONTES: INF.BIOG. ; SENADO. Dados biográficos (1826-1996).

Para enviar uma colaboração ou guardar este conteúdo em suas pesquisas clique aqui para fazer o login.

CPDOC | FGV • Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil
Praia de Botafogo, 190, Rio de Janeiro - RJ - 22253-900 • Tels. (21) 3799.5676 / 3799.5677
Horário da sala de consulta: de segunda a sexta, de 9h às 16h30
© Copyright Fundação Getulio Vargas 2009. Todos os direitos reservados