JABES SOUSA RIBEIRO

Ajuda
Busca

Acervos
Tipo
Verbete

Detalhes

Nome: RIBEIRO, Jabes
Nome Completo: JABES SOUSA RIBEIRO

Tipo: BIOGRAFICO


Texto Completo:
RIBEIRO, JABES

RIBEIRO, Jabes

*dep. fed. BA 1991-1995.

Jabes Sousa Ribeiro nasceu em Itabuna (BA) no dia 14 de março de 1952, filho de José Ferreira Ribeiro e de Elesenita Sousa Ribeiro.

Aluno do curso de direito da Universidade de Santa Cruz, em Ilhéus (BA), em 1973 exerceu a presidência do Centro Acadêmico da faculdade. Formou-se em 1976.

Filiado ao Movimento Democrático Brasileiro (MDB), partido de oposição ao regime militar instaurado no país em abril de 1964, entre 1980 e 1982 foi secretário municipal de Educação de Ilhéus. Desincompatibilizando-se do cargo municipal, candidatou-se em novembro de 1982 a prefeito de Ilhéus pelo Partido do Movimento Democrático Brasileiro (PMDB), agremiação sucessora do MDB criada após o fim do bipartidarismo em novembro de 1979 e a conseqüente reformulação partidária. Eleito, foi empossado em fevereiro de 1983.

Produtor rural, em 1985 tornou-se presidente da Associação dos Municípios da Região Cacaueira da Bahia. Representando a entidade, em 1986 fez uma viagem aos Estados Unidos a convite do Departamento de Estado. Foi também titular do Conselho Deliberativo da Comissão Executiva do Plano de Recuperação Econômico-Rural da Lavoura Cacaueira (Ceplac).

Em 1987 assumiu a Secretaria de Trabalho da Bahia, no governo de Valdir Pires (1987-1989). Em 1989 tornou-se presidente da empresa Projetos Industriais, Desenhos, Consultorias e Serviços Ltda.

Em 1990, filiou-se ao Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB), disputando em outubro uma vaga na bancada baiana da Câmara dos Deputados. Eleito, tomou posse em fevereiro de 1991, participando dos trabalhos legislativos como segundo-vice-presidente da Comissão de Trabalho, Administração e Serviço Público e membro suplente da Comissão de Agricultura e Política Rural.

Na sessão da Câmara dos Deputados de 29 de setembro de 1992, votou a favor da abertura do processo de impeachment do presidente Fernando Collor de Melo, acusado de crime de responsabilidade por ligações com um esquema de corrupção liderado pelo ex-tesoureiro de sua campanha presidencial Paulo César Farias. Afastado da presidência logo após a votação na Câmara, Collor renunciou ao mandato em 29 de dezembro de 1992, pouco antes da conclusão do processo pelo Senado Federal, sendo efetivado na presidência da República o vice Itamar Franco, que já vinha exercendo o cargo interinamente desde o dia 2 de outubro.

No exercício do mandato, Jabes Ribeiro foi acusado pelo procurador-geral da República Aristides Junqueira de peculato e falsidade ideológica. Segundo a denúncia, quando fora prefeito de Ilhéus, Ribeiro teria desviado recursos do extinto Ministério do Desenvolvimento Urbano, destinados à construção de 411 casas na periferia da cidade. O inquérito da Polícia Federal, assinado em outubro de 1992 e encaminhado ao Supremo Tribunal Federal (STF), afirmava que Ribeiro comprara material para apenas 49 casas, pagando à empresa Sergen Engenharia um valor superior ao devido.

Sem candidatar-se à reeleição no pleito de outubro de 1994, deixou a Câmara em janeiro do ano seguinte, ao final da legislatura.

Nas eleições de outubro de 1996 concorreu à prefeitura de Ilhéus pelo PSDB. Vencendo a disputa, assumiu o cargo em janeiro de 1997. Foi reeleito para mais um mandato como Prefeito de Ilhéus ainda pela legenda do PSDB, nas eleições de 2000.

No ano seguinte, transferiu-se para o Partido da Frente Liberal (PFL). Por esta legenda concorreu nas eleições de 2006 ao cargo de deputado federal, não conseguindo se eleger, contudo. Em 2007, mudou novamente de partido, aderindo ao Partido Progressista (PP), e ocupando o cargo de secretário geral desta agremiação no estado da Bahia.

Foi também professor de ciências das finanças e de direito civil da Universidade Santa Cruz e professor de física e química de colégios em Ilhéus e Itabuna.

Casou-se com Adriana Magalhães Santos, com quem teve dois filhos.

 

 

FONTES: CÂM. DEP. Deputados brasileiros. Repertório (1991-1995); Globo (30/9/92); Jornal do Brasil (29/4/93); Perfil parlamentar/IstoÉ; UOL. A Região. Disponível em : <htt p://www2.uol.com.br/aregiao/entrev/e-jabes06.htm>. Acesso em : 23 ago. 2009.

Para enviar uma colaboração ou guardar este conteúdo em suas pesquisas clique aqui para fazer o login.

CPDOC | FGV • Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil
Praia de Botafogo, 190, Rio de Janeiro - RJ - 22253-900 • Tels. (21) 3799.5676 / 3799.5677
Horário da sala de consulta: de segunda a sexta, de 9h às 16h30
© Copyright Fundação Getulio Vargas 2009. Todos os direitos reservados