JOAQUIM PESSOA GUERRA

Ajuda
Busca

Acervos
Tipo
Verbete

Detalhes

Nome: GUERRA, Joaquim
Nome Completo: JOAQUIM PESSOA GUERRA

Tipo: BIOGRAFICO


Texto Completo:
GUERRA, Joaquim

GUERRA, Joaquim

*  dep. fed.  PE 1975-1983.

 

             Joaquim Pessoa Guerra nasceu em Recife no dia 4 de dezembro de 1948, filho de Paulo Pessoa Guerra e de Virgínia Borba Pessoa Guerra. Seu pai foi deputado federal por Per­nambuco de 1946 a 1955, governador desse estado de 1964 a 1967 e senador de 1971 a 1977.

             Diplomou-se em engenharia pela Escola Politécnica da Fundação de Ensino Superior de Pernambuco e tornou-se acionista de em­presas agropecuárias.

             No pleito de novembro de 1974, elegeu-se deputado federal por seu estado na legenda da Aliança Renovadora Nacional (Arena), partido de sustentação do regime militar instaurado no país em abril de 1964. Assu­miu o mandato em fevereiro do ano seguin­te, tornando-se membro titular da Comissão de Transportes e suplente da Comis­são de Ciência e Tecnologia. Em julho de 1978, foi indiciado em inquérito policial acusado de ferir a tiros o gerente de um res­taurante em Brasília.

             Candidatou-se novamente a deputado federal, em setem­bro de 1978, sempre pela legenda da Arena. Eleito, tomou posse em fevereiro do ano seguinte, tendo a Câmara negado a licença do Supremo Tribunal Federal para processá-lo em virtude do inci­dente policial em que se envolvera. Com a extinção do bipartidarismo em novembro de 1979 e a conseqüente reformulação partidá­ria, filiou-se ao Partido Democrático Social (PDS), agremiação que sucedeu a Arena em seu apoio ao governo militar. Participou dos trabalhos parlamentares como membro titular da Comissão de Agricultura e Política Rural e como suplente da Comissão de Transportes. Em novembro de 1982, elegeu-se deputado estadual pelo PDS. Deixou a Câmara dos Deputados em janeiro de 1983, ao final da legislatura e, no mês seguinte, ocupou uma cadeira na Assembléia Legislativa pernambucana.

             Encerrado o mandato de deputado estadual em janeiro de 1987, no ano seguinte filiou-se ao Partido Municipalista Brasileiro (PMB), por cuja legenda elegeu-se, em novembro daquele ano, prefeito de Igaraçu (PE). Assumiu o cargo em janeiro do ano seguinte, exercendo-o até dezembro de 1992.

             A partir de 1993, abandonou a carreira política, dedicando-se a atividades agropecuárias.

             Casou-se com Maria Matos de Sousa Leão, com quem teve uma filha.

                             

FONTES:  CÂM. DEP. Deputados; CÂM. DEP. Deputados brasileiros.  Repertório (1975-1979); INF. Juarez Pessoa Guerra; NÉRI, S. 16; Perfil (1980).

 

Para enviar uma colaboração ou guardar este conteúdo em suas pesquisas clique aqui para fazer o login.

CPDOC | FGV • Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil
Praia de Botafogo, 190, Rio de Janeiro - RJ - 22253-900 • Tels. (21) 3799.5676 / 3799.5677
Horário da sala de consulta: de segunda a sexta, de 9h às 16h30
© Copyright Fundação Getulio Vargas 2009. Todos os direitos reservados