LEAO, RAIMUNDO DE AREIA

Ajuda
Busca

Acervos
Tipo
Verbete

Detalhes

Nome: LEÃO, Raimundo de Areia
Nome Completo: LEAO, RAIMUNDO DE AREIA

Tipo: BIOGRAFICO


Texto Completo:
LEÃO, RAIMUNDO DE AREIA

LEÃO, Raimundo de Areia

*const. 1946; dep. fed. PI 1946-1951; sen. PI 1951-1958.

 

Raimundo de Areia Leão nasceu em Teresina no dia 23 de abril de 1894, filho de Raimundo de Areia Leão e de Joana Portela de Areia Leão. Seu irmão, Humberto de Areia Leão, que chegou ao posto de almirante-de-esquadra na Marinha, foi vice-governador do estado do Piauí de 1927 a 1930 e interventor federal no estado logo depois da Revolução de 1930. Sua irmã Marcolina casou-se com Matias Olímpio de Melo, chefe político de prestígio e governador do estado de 1924 a 1927. Outro irmão, Miguel, foi deputado estadual no Piauí ainda na década de 1930.

Formou-se engenheiro civil em 1922 pela Escola Politécnica do Rio de Janeiro, então Distrito Federal. Em novembro de 1930, logo após a ascensão de seu irmão ao governo do Piauí, foi nomeado prefeito da capital do estado, cargo em que permaneceu pouco tempo. Ocupou também os cargos de diretor de Obras, secretário da Fazenda e secretário da Viação do Piauí.

Integrou a comissão central do Partido Nacionalista Piauiense, constituído em 1933 a partir da fusão do Partido Social Nacionalista com o grupo de Hugo Napoleão do Rego, visando congregar os adeptos da Revolução de 1930 no estado. No pleito de maio de 1933 para a Assembléia Nacional Constituinte, elegeu-se suplente de deputado na denominada legenda Hugo Napoleão. Não chegou, contudo, a assumir o mandato.

Com o fim do Estado Novo, elegeu-se em dezembro de 1945 deputado pelo Piauí à Assembléia Nacional Constituinte na legenda do novo Partido Social Democrático (PSD). Assumiu o mandato em fevereiro de 1946, e, com a promulgação da nova Constituição (18/9/1946), passou a exercer o mandato ordinário. Em outubro de 1950 elegeu-se senador pelo Piauí na legenda do PSD, assumindo uma cadeira no Senado em fevereiro, logo após deixar a Câmara dos Deputados. Durante sua permanência no Senado, transferiu-se do PSD para o Partido Trabalhista Brasileiro (PTB).

Faleceu no dia 12 de fevereiro de 1958, em pleno exercício do mandato de senador.

 

 

FONTES: ASSEMB. NAC. CONST. 1934. Anais; CÂM. DEP. Deputados; CÂM. DEP. Relação dos dep.; CASTELO BRANCO FILHO, M. Depoimento; CISNEIROS, A. Parlamentares; MIN. REL. EXT. Lista de autoridade; SILVA, G. Constituinte.

 

Para enviar uma colaboração ou guardar este conteúdo em suas pesquisas clique aqui para fazer o login.

CPDOC | FGV • Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil
Praia de Botafogo, 190, Rio de Janeiro - RJ - 22253-900 • Tels. (21) 3799.5676 / 3799.5677
Horário da sala de consulta: de segunda a sexta, de 9h às 16h30
© Copyright Fundação Getulio Vargas 2009. Todos os direitos reservados