MACRIS, Vanderlei

Ajuda
Busca

Acervos
Tipo
Verbete

Detalhes

Nome: MACRIS, Vanderlei
Nome Completo: MACRIS, Vanderlei

Tipo: BIOGRAFICO


Texto Completo:
SOBRENOME, Nome

MACRIS, Vanderlei

* dep. fed. SP 2007-

 

Vanderlei Macris nasceu em Americana (SP) no dia 20 de maio de 1950, filho de Ivo Macris e de Laura Tuckmantel Macris.

Formou-se em direito pela Universidade Metodista de Piracicaba (SP) em 1974. Ainda antes de formado iniciou a carreira política ao se eleger, em 1972, vereador em Americana na legenda do Movimento Democrático Brasileiro (MDB).

Em 1974 elegeu-se deputado estadual em São Paulo na legenda do PMDB, e em 1978 foi reeleito. No ano seguinte, assumiu a função de líder da oposição na Assembleia Legislativa. Conseguiu aprovar, em 1980, a Lei 2.446, de sua autoria, de proteção da bacia dos rios Piracicaba e Mogi Guaçu, em São Paulo. Logrou, igualmente, concretizar o projeto de criação da Comissão de Fiscalização e Controle da Assembleia Legislativa. Reelegeu-se mais duas vezes deputado estadual na legenda do PMDB, em 1982 e 1986, e em 1988 integrou o núcleo que criou o Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB), assumindo sua liderança na Assembleia.

Já na legenda do PSDB, reelegeu-se deputado estadual mais três vezes: em 1994, 1998 e 2002. Indicado pelo então governador Mário Covas, assumiu em 1997 a liderança do governo na Assembleia Legislativa de São Paulo, e em 1999 passou a presidir a casa, até 2001. Nesse período, instituiu o Parlamento Jovem – evento anual que permite a jovens das escolas do estado a viver a experiência de um dia de deputado – e o Fórum de São Paulo Século XXI – que reuniu, em 1999, representantes de diversos setores sociais para discutir problemas de São Paulo e elaborar propostas de solução. Como desdobramento, foi criado o Índice Paulista de Responsabilidade Social, que avalia, a cada dois anos, a qualidade de vida dos municípios paulistas, oferecendo referenciais para o planejamento das políticas públicas do estado e para a avaliação da eficácia da distribuição dos recursos públicos do município. Em 2002, foi convidado pelo governador Geraldo Alckmin para assumir, pela segunda vez, a liderança do governo na Assembleia, função que exerceu até 2005.

Após sete mandatos como deputado estadual, elegeu-se, em 2006, deputado federal por São Paulo, na legenda do PSDB. Assumiu o mandato em fevereiro de 2007 e durante a legislatura foi vice-líder do PSDB, membro da Comissão de Desenvolvimento Econômico, Indústria e Comércio, e da Comissão de Viação e Transportes, e suplente da Comissão de Fiscalização Financeira e Controle. Co-autor do requerimento que criou a comissão parlamentar de inquérito (CPI) para investigar a crise no setor aéreo, dela participou como membro titular.

Casado, teve quatro filhos.

 

 

Mariana Joffily

FONTES:

Site do biografado <www.deputadomacris.com.br/>, acesso em ago. 2009.

Fundação Seade, <www.seade.gov.br>, acesso em ago. 2009.

Câmara dos Deputados, <www.camara.gov.br>, acesso em ago. 2009.

Folha Online especial 2006 eleições, <http://www1.folha.uol.com.br/folha/especial/2006/eleicoes/candidatos-deputado_federal-sp-4551.shtml>, acesso em ago. 2009.

Para enviar uma colaboração ou guardar este conteúdo em suas pesquisas clique aqui para fazer o login.

CPDOC | FGV • Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil
Praia de Botafogo, 190, Rio de Janeiro - RJ - 22253-900 • Tels. (21) 3799.5676 / 3799.5677
Horário da sala de consulta: de segunda a sexta, de 9h às 16h30
© Copyright Fundação Getulio Vargas 2009. Todos os direitos reservados