MARCOS CESAR FORMIGA RAMOS

Ajuda
Busca

Acervos
Tipo
Verbete

Detalhes

Nome: FORMIGA, Marcos
Nome Completo: MARCOS CESAR FORMIGA RAMOS

Tipo: BIOGRAFICO


Texto Completo:
FORMIGA, MARCOS

FORMIGA, Marcos

*dep. fed. RN 1988-1991, 1994-1995.

 

Marcos César Formiga Ramos nasceu em Sousa (PB) no dia 17 de agosto de 1941, filho de Zenóbio de Almeida Ramos e Nair Formiga Ramos.

Graduou-se em economia pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) em 1965. Entre 1967 e 1968, realizou curso de pós-graduação em economia em Roma e Nápoles, além de, neste último ano, fazer curso de planejamento econômico no Centro Econômico para a América Latina (CEPAL), em Santiago.

Representante do governo do Rio Grande do Norte em visita à Universidade de Loyola, em Nova Orleans (EUA) em 1970, tornou-se, a partir do ano seguinte, na gestão de José Cortez Pereira, secretário de Planejamento e coordenador-geral do governo. Representante do Rio Grande do Norte junto ao Banco Mundial em Washington em 1973, filiou-se, em 1974, à Aliança Renovadora Nacional (Arena), agremiação política de sustentação ao regime militar vigente no país desde abril de 1964. Deixou os cargos no governo do Rio Grande do Norte em 1979.

A partir de 1980, tornou-se diretor da Empresa Brasileira de Transportes Urbanos (EBTU), em Brasília, cargo que ocuparia até 1982. Ainda em 1980, em função da promulgação da Nova Lei Orgânica dos Partidos que extinguira o bipartidarismo, em dezembro do ano anterior, filiou-se ao Partido Democrático Social (PDS), agremiação que deu continuidade à extinta Arena. Em 1982, como representante do EBTU, visitou as cidades alemãs de Berlim, Hamburgo, Dusseldorf e Wiesbaden.

Ainda em 1982, afastou-se do EBTU para assumir a prefeitura de Natal, a convite do governador Lavoisier Maia. Assumiu o cargo em fevereiro seguinte, permanecendo à frente da prefeitura até 1985, ano em que se transferiu para o Partido da Frente Liberal (PFL).

Segundo vice-líder do diretório regional do PFL a partir de 1985, candidatou-se, nas eleições de novembro de 1986, a uma vaga na Câmara dos Deputados, mas obteve apenas uma suplência. Transferindo-se, em 1988, para o Partido Liberal (PL), assumiu, em novembro deste ano, uma cadeira na Câmara dos Deputados. De volta ao PFL, foi vice-líder da agremiação na Câmara. Integrou, como titular, a Comissão de Constituição e Justiça e foi suplente da Comissão de Transportes.

Trocou novamente de partido em 1990, ingressando no Partido Social Trabalhista (PST), legenda na qual concorreu à reeleição no mês de outubro. Obtendo novamente apenas uma suplência, deixou a Câmara em janeiro de 1991, ao final da legislatura.

Consultor econômico e professor da UFRN, tornou-se secretário de Áreas Metropolitanas do Ministério da Integração Regional entre 1992 e 1994, convidado pelo titular da pasta, Alexandre Costa. Ainda em 1993, filiou-se ao Partido Progressista (PP), onde permaneceu até 1994, quando se transferiu para o Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB). Nesse mesmo ano, tornou-se secretário do Desenvolvimento Urbano do Ministério da Integração Regional, cargo que ocupou por pouquíssimo tempo. Em virtude do afastamento de Aluísio Alves, que ocupou aquela pasta, assumiu a sua vaga em março de 1994. Com o retorno do titular em janeiro do ano seguinte, Formiga deixou a Câmara. Durante esse período, foi membro da Comissão de Desenvolvimento Urbano Interior.

Em julho de 2009 foi comissionado como assistente parlamentar no gabinete do senador Garibaldi Maia.

Casou-se com Celina Maria Martinho Ramos, com quem teve três filhos.

Publicou Estudo de desenvolvimento industrial para o Nordeste (1972).

 

FONTES: CÂM. DEP. Deputados brasileiros. Repertório (1991-1995); Folha de S. Paulo (8/10/99).

 

Para enviar uma colaboração ou guardar este conteúdo em suas pesquisas clique aqui para fazer o login.

CPDOC | FGV • Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil
Praia de Botafogo, 190, Rio de Janeiro - RJ - 22253-900 • Tels. (21) 3799.5676 / 3799.5677
Horário da sala de consulta: de segunda a sexta, de 9h às 16h30
© Copyright Fundação Getulio Vargas 2009. Todos os direitos reservados