MARCOS VINICIUS DE CAMPOS

Ajuda
Busca

Acervos
Tipo
Verbete

Detalhes

Nome: CAMPOS, Marcus Vinícius de
Nome Completo: MARCOS VINICIUS DE CAMPOS

Tipo: BIOGRAFICO


Texto Completo:
Campos, Marcos Vinícius de [COMPLETAR]

CAMPOS, Marcos Vinícius de 

* dep. fed. SP 1997-1998.

 

Marcos Vinícius de Campos nasceu em Presidente Venceslau (SP), no dia 27 de outubro de 1961, filho de José Cirino de Campos e de Adelaide Rodrigues de Campos.

Formado pela Escola de Administração de Empresas da Fundação Getulio Vargas, em São Paulo, no ano 1985, e em direito, pela Universidade de São Paulo (USP), em 1987, estagiou na Philips do Brasil e na Federação das Indústrias do Estado de São Paulo  (Fiesp), concluindo o mestrado em administração de empresas pela FGV, em 1991. Durante a pós-graduação realizou alguns créditos na Ecole Supérieure des Sciences Economiques et Commerciales, em Paris. Em 1988, exercendo a advocacia e dando aulas na faculdade de direito da USP, iniciou o curso de doutorado em direito econômico nesta universidade. Anos depois, lecionou no curso de pós-graduação da faculdade de direito da Universidade de Marília (SP).

No pleito de outubro de 1990 candidatou-se a uma cadeira na Câmara dos Deputados na legenda do Partido da Reconstrução Nacional (PRN), de Fernando Collor de Melo, que se elegera presidente da República em novembro/dezembro do ano anterior, alcançando a segunda suplência.

De 1991 a 1992 dirigiu o Departamento de Proteção e Defesa Econômica da Secretaria de Direito Econômico do Ministério da Justiça. Em 1992 tornou-se membro da Comissão de Defesa Econômica.

No  pleito de outubro de 1994 voltou a candidatar-se a uma vaga na Câmara, desta vez na legenda do Partido da Frente Liberal (PFL), obtendo, contudo, apenas  uma suplência. Com a licença de Aires da Cunha, nomeado secretário municipal de educação no governo de Celso Pitta (1997-), Marcus Vinícius foi empossado na Câmara em 14 de agosto de 1997. Participou dos trabalhos legislativos como membro titular das comissões de Seguridade Social e Família, de Fiscalização e Controle, de Educação, Cultura e Desporto, e de Direitos Humanos. Em novembro votou a favor da quebra da estabilidade do servidor público, item da reforma administrativa. Com o retorno de Aires da Cunha, deixou a Câmara em 19 de março de 1998.

No pleito de outubro deste último ano, foi novamente candidato a uma cadeira no Legislativo federal, mas não foi bem-sucedido.

                Consultor do Instituto de Desenvolvimento da Organização e das Relações de Trabalho, membro do Instituto Brasileiro de Estudo das Relações de Concorrência e de Consumo, Marcos Vinícius de Campos presidiu a “Defenda-se Associação de Consumidores”.

                Casado com Tarcisa Oliveira César de Campos, não teve filhos.

 

FONTES: CÂM. DEP. Deputados Brasileiros. Repertório. (1991-1995 e 1995-1999); CÂM. DEP. Quadro de titulares e suplentes; Estado de São Paulo  (28/11/97); Globo (10/10/98); INF. BIOG.; TRIB.SUP.ELEIT. Internet.

Para enviar uma colaboração ou guardar este conteúdo em suas pesquisas clique aqui para fazer o login.

CPDOC | FGV • Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil
Praia de Botafogo, 190, Rio de Janeiro - RJ - 22253-900 • Tels. (21) 3799.5676 / 3799.5677
Horário da sala de consulta: de segunda a sexta, de 9h às 16h30
© Copyright Fundação Getulio Vargas 2009. Todos os direitos reservados