PASSOS, VALTER

Ajuda
Busca

Acervos
Tipo
Verbete

Detalhes

Nome: PASSOS, Válter
Nome Completo: PASSOS, VALTER

Tipo: BIOGRAFICO


Texto Completo:
PASSOS, Válter

PASSOS, Válter

* jornalista; dep. fed.  MG 1959, 1960-1961 e 1963-1971.

 

Válter Passos nasceu em Sabará (MG) no dia 30 de maio de 1916, filho do político Durval Passos e de Maria Vieira Passos. Seu pai foi vereador e presidente da Câmara Municipal de Sabará.

Válter Passos cursou o secundário no Ginásio Mineiro de Belo Horizonte e bacharelou-se em ciências jurídicas e so­ciais pela Faculdade de Direito da Universi­dade de Minas Gerais em 1942.

Advogado, industrial e jornalista, foi re­dator e chefe de divisão do jornal Minas Ge­rais,  órgão oficial do estado, além de chefe do serviço de imprensa do palácio do gover­no mineiro durante as gestões de Clóvis Salgado da Gama (1955-1956) e de José Francisco Bias Fortes (1956-1961).

No pleito de outubro de 1958, elegeu-se suplente de deputado federal por seu estado na legenda do Partido Republicano (PR), ocupando uma cadeira na Câmara dos Depu­tados de abril a junho de 1959 e de junho de 1960 a fevereiro do ano seguinte. Em ou­tubro de 1962, elegeu-se deputado federal por Minas Gerais, sempre na legenda do PR, iniciando o mandato em fevereiro do ano se­guinte.  Em setembro de 1963, tornou-se vi­ce-líder de seu partido na Câmara.

Com a extinção dos partidos políticos pe­lo Ato Institucional n°. 2 (27/10/1965) e a posterior instauração do bipartidarismo, fi­liou-se à Aliança Renovadora Nacional (Arena) e, no pleito de novembro de 1966, reelegeu-se na legenda desse partido. Em 1968, esteve presente ao Congresso Internacional Parlamentar reunido em Lima, no Peru. No exercício de seu mandato, foi membro efeti­vo das comissões de Minas e Energia e do Polígono das Secas e suplente da Comissão de Constituição e Justiça da Câmara dos De­putados. Encerrou seu mandato em janeiro de 1971, não mais retornando à Câmara.

Em setembro de 1978, foi eleito, pelo Colégio Eleitoral de seu estado, 20 suplente do senador indireto Murilo Paulino Badaró, também eleito pela Arena. Com o fim do bipartidarismo em novembro de 1979, filiou-se, no ano seguinte, ao Partido Democrático Social (PDS).

Aposentado como advogado e como jornalista da Imprensa Oficial do Estado de Minas Gerais, passou a integrar o serviço jurídico do Grupo Antunes.

Durante sua carreira profissional, Válter Passos foi membro do Instituto dos Advogados, do Sindicato dos Jornalistas e da Associação Mineira de Imprensa. Além de ter advogado para o Diário de Minas, órgão do qual foi um dos fundadores, foi ainda redator do Estado de Minas e da Folha de Minas.

Casou-se com Eunice Florêncio Passos, com quem teve dois filhos.

 

FONTES:  ASSEMB. LEGISL. MG. Dicionário biográfico; CÂM.  DEP.  Deputados; CÂM. DEP.  Deputados brasileiros.  Repertório (1967-1971); CÂM.  DEP.  Relação nominal dos senhores;  COUTINHO, A. Brasil; Rev. Árq.  Públ. Mi­neiro (12/76): TRIB.  SUP.  ELEIT.  Dados (4).

 

Para enviar uma colaboração ou guardar este conteúdo em suas pesquisas clique aqui para fazer o login.

CPDOC | FGV • Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil
Praia de Botafogo, 190, Rio de Janeiro - RJ - 22253-900 • Tels. (21) 3799.5676 / 3799.5677
Horário da sala de consulta: de segunda a sexta, de 9h às 16h30
© Copyright Fundação Getulio Vargas 2009. Todos os direitos reservados