PEDRO NEIVA DE SANTANA

Ajuda
Busca

Acervos
Tipo
Verbete

Detalhes

Nome: NEIVA, Pedro
Nome Completo: PEDRO NEIVA DE SANTANA

Tipo: BIOGRAFICO


Texto Completo:
NEIVA, PEDRO

NEIVA, Pedro

*gov. MA 1971-1975.

 

Pedro Neiva de Santana nasceu em Nova Iorque (MA) no dia 27 de setembro de 1907, filho do coronel Manuel José de Santana e de Ana Neiva de Santana.

Fez os primeiros estudos em Floriano (PI) e no Liceu Maranhense, em São Luís. Transferindo-se para o Rio de Janeiro, então Distrito Federal, ingressou em 1929 na Faculdade de Medicina, pela qual se diplomou, especializando-se depois em medicina legal.

Médico da Saúde Pública e chefe dos postos de higiene dos municípios maranhenses de Picos, atual Colinas, e Pastos Bons, ocupou o cargo de prefeito de São Luís de 1937 a 1945 no período do Estado Novo. Foi diretor do Instituto Médico-Legal do Maranhão, cujo Gabinete de Identificação chefiou, médico da Legião Brasileira de Assistência (LBA) e provedor da Santa Casa de Misericórdia. Foi também professor e diretor das faculdades de Direito e de Ciências Médicas e reitor da Fundação Universidade do Maranhão.

Secretário da Fazenda do Maranhão durante o governo de José Sarney (1966-1970), em outubro de 1970, como candidato da Aliança Renovadora Nacional (Arena), foi eleito indiretamente pela Assembléia Legislativa para substituir o vice-governador Antônio Dino, que assumira o governo do estado com a desincompatibilização de Sarney, que concorreria ao Senado no pleito de novembro desse ano. Assumiu o Executivo maranhense em março do ano seguinte e, nesse período, suas relações com Sarney sofreram um esfriamento devido à atitude do presidente Emílio Garrastazu Médici (1969-1974), que não apoiou o ex-governador tão ostensivamente quanto os presidentes anteriores.

Em 1974, por ocasião da escolha de seu sucessor, Pedro Neiva, que juntamente com Sarney detinha o controle de grande parte dos diretórios da Arena maranhense, elaborou uma lista de nomes a ser submetida ao presidente da República Ernesto Geisel (1974-1979). Ainda assim, a escolha recaiu sobre o nome de Osvaldo da Costa Nunes Freire, ligado a outro chefe político do Maranhão, Vitorino Freire. Pedro Neiva deixou o governo em março de 1975, afastando-se, em seguida, das atividades políticas, abrindo espaço para o filho.

Titular do Colégio Brasileiro de Cirurgiões, tornou-se membro da Sociedade de Medicina e Cirurgia, da Sociedade Brasileira de Oftalmologia e da Sociedade de Medicina Legal.

Foi ainda membro da Academia Maranhense de Letras.

Faleceu em São Luís no dia 19 de janeiro de 1984.

Era casado com Enei Tavares Neiva de Santana, com quem teve um filho, Jaime Santana, deputado federal pelo Maranhão de 1983 a 1999.

 

FONTES: COUTINHO, A. Brasil; Encic. Mirador; Globo (21/1/84); Jornal do Brasil (23/1/84); NÉRI, S. 16; Perfil (1974); Súmulas; Who’s who in Brazil.

 

Para enviar uma colaboração ou guardar este conteúdo em suas pesquisas clique aqui para fazer o login.

CPDOC | FGV • Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil
Praia de Botafogo, 190, Rio de Janeiro - RJ - 22253-900 • Tels. (21) 3799.5676 / 3799.5677
Horário da sala de consulta: de segunda a sexta, de 9h às 16h30
© Copyright Fundação Getulio Vargas 2009. Todos os direitos reservados