SILVA, JOAO HENRIQUE SAMPAIO VIEIRA DA

Ajuda
Busca

Acervos
Tipo
Verbete

Detalhes

Nome: SILVA, João Henrique Sampaio Vieira da
Nome Completo: SILVA, JOAO HENRIQUE SAMPAIO VIEIRA DA

Tipo: BIOGRAFICO


Texto Completo:
SILVA, JOÃO HENRIQUE SAMPAIO VIEIRA DA

SILVA, João Henrique Sampaio Vieira da

*dep. fed. MG 1935-1937; const. 1946; dep. fed. MG 1946-1951.

João Henrique Sampaio Vieira da Silva nasceu em Fortaleza no dia 19 de junho de 1896, filho de Raimundo Joaquim Vieira da Silva e de Maria Etelvina Sampaio Vieira da Silva.

Fez seus primeiros estudos em sua terra natal, transferindo-se posteriormente para o Rio de Janeiro, então Distrito Federal, onde se formou em 1917 pela Faculdade Nacional de Medicina. Radicou-se em seguida em Minas Gerais, iniciando naquele estado sua carreira política como vereador e depois prefeito de Uberaba (MG) entre 1923 e 1926. Em sua gestão na prefeitura, tratou principalmente dos problemas relacionados com a agricultura, a pecuária e a instrução. A Sociedade de Medicina e Cirurgia dessa cidade escolheu-o como presidente.

Em 1925, elegeu-se deputado estadual em Minas pela legenda do Partido Republicano Mineiro (PRM) para o restante da legislatura 1923-1926, vindo a ocupar a vaga deixada por Antenor de Paula e Silva, falecido no mesmo ano. Reeleito em 1926, exerceu novo mandato entre 1927 e 1930. No pleito de outubro de 1934, elegeu-se deputado federal por Minas Gerais na legenda do Partido Progressista (PP), assumindo sua cadeira na Câmara Federal em maio de 1953 e permaneceu ali até novembro de 1937, quando a instauração do Estado Novo fechou todos os órgãos legislativos existentes no país. Com o fim do Estado Novo, em outubro de 1945, elegeu-se em dezembro desse ano deputado à Assembléia Nacional Constituinte por Minas Gerais, na legenda do Partido Social Democrático (PSD), sendo empossado na Câmara em fevereiro do ano seguinte. Participou dos trabalhos constituintes e, após a promulgação da nova Carta em setembro de 1946, passou a exercer o mandato ordinário. Durante essa legislatura, foi presidente da Comissão Permanente de Diplomacia e da Comissão de Relações Exteriores e membro da Comissão Especial de Pecuária da Câmara. Em outubro de 1950 voltou a se candidatar a deputado por Minas Gerais, ainda na legenda do PSD, obtendo apenas a quinta suplência. Concluiu seu mandato em janeiro de 1951 e não mais voltou a ocupar uma cadeira na Câmara.

Desempenhou em seguida as funções de ministro plenipotenciário e embaixador extraordinário do Brasil no México e de delegado-embaixador à IX Conferência Interamericana em Bogotá. Membro do conselho superior da Caixa Econômica Federal desde 1951, presidiu-o no período de 1955 a 1960. Exerceu ainda a função de professor de psicologia da Escola Normal de Uberaba, tendo-se dedicado igualmente ao jornalismo como redator e diretor da Gazeta de Uberaba.

Casou-se com Maria Junqueira Vieira da Silva, com quem teve quatro filhos.

Faleceu em 1974.

Publicou Do conceito eugênico no hábitat brasileiro; Angina de Vincent no Rio de Janeiro; Objetivos da política pragmática; O Brasil, seu clima, sua raça; A aspiração do mar na Constituinte mineira de 91; Ingenieros e o Brasil; A internacionalização de Jerusalém; Novos rumos da diplomacia brasileira e Miranda, sua vida e sua obra.

           

FONTES: ASSEMB. LEGISL. MG. Dicionário biográfico; Boletim Min. Trab. (5/36); CÂM. DEP. Deputados; CÂM. DEP. Relação dos dep.; CÂM. DEP. Repertório biográfico (1946-1967); CONSULT. RAMOS, P.; COUTINHO, A. Brasil; Grande encic. Delta; Rev. Arq. Públ. Mineiro (12/76); SILVA, G. Constituinte; TRIB. SUP. ELEIT. Dados (1 e 2).

 

Para enviar uma colaboração ou guardar este conteúdo em suas pesquisas clique aqui para fazer o login.

CPDOC | FGV • Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil
Praia de Botafogo, 190, Rio de Janeiro - RJ - 22253-900 • Tels. (21) 3799.5676 / 3799.5677
Horário da sala de consulta: de segunda a sexta, de 9h às 16h30
© Copyright Fundação Getulio Vargas 2009. Todos os direitos reservados