VASCO ALVES DE OLIVEIRA JUNIOR

Ajuda
Busca

Acervos
Tipo
Verbete

Detalhes

Nome: ALVES, Vasco
Nome Completo: VASCO ALVES DE OLIVEIRA JUNIOR

Tipo: BIOGRAFICO


Texto Completo:

ALVES, Vasco

*const. 1987-1988; dep. fed. ES 1988-1991.

 

Vasco Alves de Oliveira Júnior nasceu em Vitória no dia 6 de agosto de 1941, filho de Vasco Alves de Oliveira e de Julita Devens de Oliveira.

Formado em direito pela Universidade Federal do Espírito Santo (UFES) em 1966, especializou-se um ano depois em direito comparado na Universidade da Flórida, nos Estados Unidos, completando seus estudos com a pós-graduação na Pontifícia Universidade Católica (PUC) do Rio de Janeiro, em 1973.

Em 1976, no governo de Élcio Álvares (1975-1979), foi nomeado procurador do Departamento Nacional de Obras e Saneamento (DNOS). Participou ativamente, na época, de movimentos populares, presidindo a Comissão Justiça e Paz (CJP) e integrando a Comissão de Direito à Moradia (CDM), ambas da arquidiocese de Vitória.

Iniciou a carreira política concorrendo, no pleito de novembro de 1982, na legenda do Partido do Movimento Democrático Brasileiro (PMDB), à prefeitura de Vila Velha, segundo maior colégio eleitoral do Espírito Santo. Vitorioso, tomou posse em janeiro de 1983. Durante sua gestão e por sua iniciativa, a Câmara Municipal aprovou lei que tornava obrigatória a discussão do orçamento anual com o Conselho Comunitário e com as associações de bairros. Em 1985, participou do XXVII Congresso Mundial dos Municípios, no Rio de Janeiro. Vice-presidente da Frente Municipalista Nacional, foi um dos responsáveis pela ida a Brasília de milhares de prefeitos de todo o país, para exigir uma reforma tributária de emergência.

Vinculado à liderança do ex-governador Gerson Camata, elegeu-se deputado federal em novembro de 1986. Participou da Assembleia Nacional Constituinte como titular da Subcomissão dos Direitos dos Trabalhadores e Servidores Públicos, da Comissão da Ordem Social, e como suplente da Subcomissão da União, Distrito Federal e Territórios, da Comissão da Organização do Estado, tendo sido considerado o deputado mais assíduo nas votações.

Foi a favor do rompimento de relações diplomáticas com países que praticassem políticas de discriminação racial, da limitação do direito de propriedade, da nacionalização do subsolo, da estatização do sistema financeiro, do limite de 12% ao ano para os juros reais, da soberania popular, do mandado de segurança coletivo, do voto aos 16 anos, do aborto, da proibição do comércio de sangue, da jornada semanal de 40 horas, do turno ininterrupto de seis horas, da remuneração 50% superior para o trabalho extra, do aviso-prévio proporcional, da pluralidade sindical, da limitação dos encargos da dívida externa, da criação de um fundo de apoio à reforma agrária, da desapropriação da propriedade produtiva, da anistia aos micro e pequenos empresários e da legalização do jogo de bicho. Votou contra a pena de morte, o presidencialismo e o mandato de cinco anos para o presidente José Sarney.

Em novembro de 1988, filiado ao Partido da Social-Democracia Brasileira (PSDB), concorreu à prefeitura de Cariacica (ES). Eleito, assumiu o mandato em janeiro de 1989, deixando a vaga de deputado para o primeiro suplente Jones Santos Neves Filho. Em outubro de 1998, de volta ao PMDB, disputou o governo capixaba numa coligação que incluía o Partido Trabalhista Brasileiro (PTB), mas perdeu para o candidato do PSDB, José Inácio Ferreira. Em 2004 candidatou-se novamente a prefeito de Vila Velha, na legenda do PTB, mas foi derrotado pelo candidato do Partido Democrático Trabalhista (PDT), Max Mauro. Tentou novamente em 2008, mas dessa vez o vencedor foi Neucimar Fraga, do Partido da República (PR).

Foi também professor, membro da Academia de Letras Humberto de Campos, do Instituto dos Advogados do Espírito Santo e da Fundação Pedroso Horta, além de presidente da Associação de Prefeitos e Vereadores do Espírito Santo.

Casado com Marina Barcelos de Oliveira, teve quatro filhos.

 

 

FONTES: ASSEMB. NAC. CONST. Repertório (1987-1988); G1. Portal de Notícias da Globo. Disponível em : <http://g1.globo.com/Eleicoes2008,,MUL830887-15717,00-NEUCIMAR+FRA

GA+E+ELEITO+PREFEITO+DE+VILA+VELHA+ES.html>. Acesso em : 17 jul. 2009; Portal do TSE. Disponível em : <http://www.tse.gov.br>. Acesso em : 17 jul. 2009.

 

Para enviar uma colaboração ou guardar este conteúdo em suas pesquisas clique aqui para fazer o login.

CPDOC | FGV • Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil
Praia de Botafogo, 190, Rio de Janeiro - RJ - 22253-900 • Tels. (21) 3799.5676 / 3799.5677
Horário da sala de consulta: de segunda a sexta, de 9h às 16h30
© Copyright Fundação Getulio Vargas 2009. Todos os direitos reservados