VASCONCELOS, VALDIR

Ajuda
Busca

Acervos
Tipo
Verbete

Detalhes

Nome: VASCONCELOS, Valdir
Nome Completo: VASCONCELOS, VALDIR

Tipo: BIOGRAFICO


Texto Completo:
VASCONCELOS, VALDIR

VASCONCELOS, Valdir

*militar; comte. IV Comar 1979-1981; ch. EMFA 1983-1985.

 

Valdir de Vasconcelos nasceu em Santo Antônio do Aventureiro (MG), no dia 7 de novembro de 1924, filho de Eudóxio de Vasconcelos e de Antonina Atademo de Vasconcelos.

Ingressou em março de 1942 na Escola de Aeronáutica de Campo dos Afonsos, no Rio de Janeiro, então Distrito Federal, saindo aspirante-a-oficial em agosto de 1944. Foi promovido a segundo-tenente em março de 1945. No final de 1944 e início de 1945, participou das operações aéreas no Atlântico Sul, durante a Segunda Guerra Mundial. Foi também voluntário do 1º Grupo de Caça que operava na Itália, tendo sido enviado para os Estados Unidos para receber o treinamento adequado.

Promovido a primeiro-tenente em maio de 1946 e a capitão em outubro de 1950, no exercício dessas patentes foi instrutor de vôo na Escola de Aeronáutica, ajudante-de-ordens do chefe do Estado-Maior de Aeronáutica, comandante de esquadrão do 6º Grupo de Aviação e instrutor da Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica. Em janeiro de 1957 passou a major e em julho de 1961 a tenente-coronel. Foi então oficial-de-gabinete do ministro da Aeronáutica, comandante do Grupo de Transporte Oficial, chefe da Seção de Assuntos Psicossociais da Secretaria do Conselho de Segurança Nacional, subchefe da Aeronáutica do Gabinete Militar da Presidência da República e subcomandante da 3ª Zona Aérea.

Ascendeu à patente de coronel em julho de 1966 e à de brigadeiro em março de 1974. Nesse período foi adido das forças armadas junto à embaixada brasileira no Panamá, chefe do Subdepartamento de Planejamento do Departamento de Aviação Civil (DAC) e segundo-subchefe do Estado-Maior da Aeronáutica (EMA). Major-brigadeiro em julho de 1978, foi então vice-chefe do EMA. Em 1979, tornou-se comandante do IV Comando Aéreo Regional, com sede em São Paulo, substituindo o brigadeiro Clóvis Pavan. Permaneceu no posto até 1981, quando foi substituído pelo brigadeiro João Alberto Correia Neves.

Promovido a tenente-brigadeiro em março de 1981, assumiu a chefia do Estado-Maior das Forças Armadas em janeiro de 1983, substituindo o general-de-exército Alacir Frederico Werner. Permaneceu no cargo até março de 1985, quando o almirante-de-esquadra José Maria do Amaral ocupou o seu lugar.

Ao longo de sua carreira militar, Valdir Vasconcelos fez os cursos de formação de oficiais-aviadores, de aperfeiçoamento e tática aérea, de Estado-Maior da Aeronáutica, superior de comando e de instrutor de vôo por instrumento na Força Aérea norte-americana.

Faleceu na cidade do Rio de Janeiro no dia 25 de outubro de 1995.

Era casado com Lia Ribeiro de Vasconcelos, com quem teve três filhos.

 

FONTES: CURRIC. BIOG.; INF. FAM.; INF. Ministério da Defesa.

 

Para enviar uma colaboração ou guardar este conteúdo em suas pesquisas clique aqui para fazer o login.

CPDOC | FGV • Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil
Praia de Botafogo, 190, Rio de Janeiro - RJ - 22253-900 • Tels. (21) 3799.5676 / 3799.5677
Horário da sala de consulta: de segunda a sexta, de 9h às 16h30
© Copyright Fundação Getulio Vargas 2009. Todos os direitos reservados