ZAIRE NUNES PEREIRA

Ajuda
Busca

Acervos
Tipo
Verbete

Detalhes

Nome: NUNES, Zaire
Nome Completo: ZAIRE NUNES PEREIRA

Tipo: BIOGRAFICO


Texto Completo:
NUNES, ZAIRE

NUNES, Zaire

*dep. fed. RS 1963-1969.

 

Zaire Nunes Pereira nasceu no dia 23 de julho de 1924, filho de Demétrio Gomes Pereira e de Julieta Nunes Pereira.

Bacharelou-se pela Faculdade de Direito do Rio Grande do Sul, tornando-se mais tarde consultor jurídico da Procuradoria Geral do Estado do Rio Grande do Sul.

No pleito de outubro de 1958 elegeu-se deputado à Assembléia Legislativa gaúcha na legenda do Partido Trabalhista Brasileiro (PTB), iniciando o mandato em fevereiro do ano seguinte. Eleito em outubro de 1962 deputado federal pelo Rio Grande do Sul, deixou a Assembléia gaúcha em janeiro de 1963 para tomar assento na Câmara no mês seguinte. Foi vice-líder do PTB a partir de abril de 1964 e do Bloco Parlamentar da Minoria a partir de abril de 1965. Com a extinção dos partidos políticos pelo Ato Institucional nº 2 (27/10/1965) e a posterior instauração do bipartidarismo, filiou-se ao Movimento Democrático Brasileiro (MDB).

Em novembro de 1966 reelegeu-se deputado federal na legenda do MDB. Integrou a ala trabalhista desse partido no Rio Grande do Sul, comandada por Leonel Brizola, e combateu a Frente Ampla, articulação de oposição ao regime lançada em março de 1967 e proibida em abril de 1968, da qual faziam parte Juscelino Kubitschek, Carlos Lacerda e João Goulart. Em janeiro de 1969 teve seu mandato cassado por força do Ato Institucional nº 5, editado em dezembro do ano anterior.

Em agosto de 1979 foi decretada a anistia a todos os exilados políticos, que proporcionou o retorno ao Brasil de Leonel Brizola. Após este perder a sigla PTB, na Justiça Eleitoral, para a ex-deputada Ivete Vargas em maio de 1980, fundou então o Partido Democrático Trabalhista (PDT), ao qual Zaire Nunes se filiou.

Em março de 1985, por discordar da aliança do PDT com o Partido Democrático Social (PDS) para a composição da nova mesa diretora da Assembléia Legislativa gaúcha, pediu desligamento do partido.

Faleceu em Porto Alegre no dia 23 de agosto de 1986, em plena campanha como candidato à Assembléia Nacional Constituinte pelo Partido do Movimento Democrático Brasileiro (PMDB).

Era casado com Lígia Martins Costa Nunes Pereira.

 

FONTES: ARQ. DEP. PESQ. JORNAL DO BRASIL; CÂM. DEP. Deputados; CÂM. DEP. Deputados brasileiros. Repertório (1967-1971); CÂM. DEP. Relação nominal dos senhores; Correio do Povo (8/12/65); Jornal do Brasil (18/3/85 e 24/8/86); TRIB. SUP. ELEIT. Dados (6, 8 e 9).

 

 

Para enviar uma colaboração ou guardar este conteúdo em suas pesquisas clique aqui para fazer o login.

CPDOC | FGV • Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil
Praia de Botafogo, 190, Rio de Janeiro - RJ - 22253-900 • Tels. (21) 3799.5676 / 3799.5677
Horário da sala de consulta: de segunda a sexta, de 9h às 16h30
© Copyright Fundação Getulio Vargas 2009. Todos os direitos reservados