PARTIDO NACIONALISTA DEMOCRATICO (PND)

Ajuda
Busca

Acervos
Tipo
Verbete

Detalhes

Nome: PARTIDO NACIONALISTA DEMOCRÁTICO (PND)
Nome Completo: PARTIDO NACIONALISTA DEMOCRATICO (PND)

Tipo: TEMATICO


Texto Completo:
PARTIDO NACIONALISTA DEMOCRÁTICO (PND)

PARTIDO NACIONALISTA DEMOCRÁTICO (PND)

 

Partido político nacional registrado no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) em maio de 1985. A criação do PND se deu no contexto de ampliação do quadro partidário brasileiro a partir de maio de 1985, quando foi aprovada no Congresso Nacional a Emenda Constitucional nº 25, que, além de legalizar os partidos comunistas, permitiu aos partidos em formação a apresentação de candidatos na eleição de novembro.

A princípio sediado no município fluminense de Nova Iguaçu, o PND montou diretórios nos estados do Rio de Janeiro, São Paulo, Minas Gerais, Rio Grande do Sul, Mato Grosso do Sul e Rondônia. Seu presidente nacional era o pastor evangélico Raimundo Bento Aguiar, candidato derrotado à Assembléia Legislativa fluminense em 1982, quando concorreu pelo Partido Trabalhista Brasileiro (PTB).

O programa do PND incluía a defesa da democracia, da pluralidade partidária e do Congresso Nacional; o fortalecimento da moeda, através da criação do cruzeiro-ouro; a realização de uma reforma tributária para consolidar a federação; o direito de voto aos soldados e cabos; a liberdade de imprensa e a revisão da Lei de Segurança Nacional; a realização da reforma agrária, e a reformulação do sistema habitacional do país, de maneira a facilitar o acesso dos trabalhadores assalariados à casa própria.

Em 1985, o PND lançou a candidatura à prefeitura do Rio de Janeiro de Ester de Almeida, que obteve a 12ª colocação entre os 19 postulantes ao cargo, com 12.346 votos (0,46% do total).

No ano seguinte, o partido abrigou a candidatura do advogado Wagner Cavalcanti de Albuquerque ao governo fluminense. Cavalcanti realizou uma campanha marcada por críticas aos partidos de esquerda e terminou o pleito em último lugar entre os sete concorrentes, com cerca de 0,2% do total dos votos. Na mesma ocasião, o PND apresentou candidatos às eleições para a Assembleia Nacional Constituinte, mas não conseguiu eleger nenhum representante.

 

FONTES: Estado de S. Paulo (16/6 e 12/7/85); Folha de S. Paulo (18/8/85); Globo (28/5/85); Jornal do Brasil (27/6, 12/7, 16/8, 18 e 20/11/85).

 

Para enviar uma colaboração ou guardar este conteúdo em suas pesquisas clique aqui para fazer o login.

CPDOC | FGV • Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil
Praia de Botafogo, 190, Rio de Janeiro - RJ - 22253-900 • Tels. (21) 3799.5676 / 3799.5677
Horário da sala de consulta: de segunda a sexta, de 9h às 16h30
© Copyright Fundação Getulio Vargas 2009. Todos os direitos reservados