UNIAO DOS LAVRADORES E TRABALHADORES AGRICOLAS DO BRASIL (ULTAB)

Ajuda
Busca

Acervos
Tipo
Verbete

Detalhes

Nome: UNIAO DOS LAVRADORES E TRABALHADORES AGRICOLAS DO BRASIL (ULTAB)
Nome Completo: UNIAO DOS LAVRADORES E TRABALHADORES AGRICOLAS DO BRASIL (ULTAB)

Tipo: TEMATICO


Texto Completo:
UNIÃO DOS LAVRADORES E TRABALHADORES AGRÍCOLAS DO BRASIL (ULTAB)

UNIÃO DOS LAVRADORES E TRABALHADORES AGRÍCOLAS DO BRASIL (ULTAB)

 

Organização criada em 1954 pelos trabalhadores agrícolas com o objetivo de lutar pela melhoria das condições de trabalho nas áreas rurais. Desapareceu após o movimento político-militar de março de 1964.

Ligada ao Partido Comunista Brasileiro (PCB), a ULTAB surgiu num contexto de mobilização nacional dos trabalhadores em favor do aumento do salário mínimo. Abrangendo principalmente os trabalhadores agrícolas de São Paulo e do Paraná, sua principal reivindicação era a extensão do salário mínimo ao campo.

Em fevereiro de 1956, por sua iniciativa, foi realizado no Ceará um congresso de trabalhadores rurais. Nesse encontro, a ULTAB se opôs às ligas camponesas de Francisco Julião, para as quais a reforma agrária era a principal bandeira do movimento camponês. Ainda no final de 1956, a ULTAB dirigiu uma das mais importantes greves ocorridas no meio rural nesse período, a greve dos trabalhadores em fazendas de café de São Paulo. Como resultado do movimento, foi atendida a exigência de elevação do piso salarial da categoria.

A ULTAB voltou a se projetar nacionalmente durante um congresso de trabalhadores agrícolas, realizado em Belo Horizonte no mês de novembro de 1961. Representada por Nestor Vera e Lindolfo Silva, não conseguiu porém fazer valer suas propostas, prevalecendo dentro do movimento camponês a linha das ligas camponesas, que enfatizava a luta pela reforma agrária.

Em 1963, a ULTAB conseguiu que o Ministério do Trabalho aprovasse o Estatuto do Trabalhador Rural, que veio regulamentar o trabalho no campo.

Em fevereiro de 1964, Nestor Vera, um dos principais líderes da ULTAB, foi eleito para a diretoria da Confederação Nacional dos Trabalhadores Agrícolas.

 

 

FONTES: CHILCOTE, R. Communist; HARDING, T. Political.

 

Para enviar uma colaboração ou guardar este conteúdo em suas pesquisas clique aqui para fazer o login.

CPDOC | FGV • Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil
Praia de Botafogo, 190, Rio de Janeiro - RJ - 22253-900 • Tels. (21) 3799.5676 / 3799.5677
Horário da sala de consulta: de segunda a sexta, de 9h às 16h30
© Copyright Fundação Getulio Vargas 2009. Todos os direitos reservados