João Cleofas I

Entrevista

João Cleofas I

Entrevista realizada no contexto da pesquisa "Trajetória e desempenho das elites políticas brasileiras", parte integrante do projeto institucional do Programa de História Oral do CPDOC, em vigência desde a sua criação em 1975. Trechos da entrevista foram publicados no livro GETÚLIO: uma história oral. / Valentina da Rocha Lima (Coordenação) ; Dora Rocha...[et al]. Rio de Janeiro: Record, 1986. 321. il. A escolha do entrevistado se justificou por sua atuação política.
Forma de Consulta:
Entrevista datilografada disponível na Sala de Consulta do CPDOC.

Tipo de entrevista: História de vida
Entrevistador(es):
Aspásia Alcântara de Camargo
Eduardo Raposo
Maria Cristina Guido
Dulce Chaves Pandolfi
Data: 21/4/1979 a 9/9/1980
Local(ais):
Rio de Janeiro ; RJ ; Brasil

Duração: 14h10min

Dados biográficos do(s) entrevistado(s)

Nome completo: João Cleofas de Oliveira
Nascimento: 10/9/1899; Vitória de Santo Antão; PE; Brasil;

Falecimento: 17/9/1987; Rio de Janeiro; RJ; Brasil;

Formação: Escola Politécnica do Rio de Janeiro, em 1920.
Atividade: Deputado estadual de Pernambuco (1926-1928); deputado federal PE (1935-1937, 1946-1951, 1954-1955, 1959-1963 e 1965-1967); deputado constituinte (1946); ministro da Agricultura (1951-1954), senador PE (1967-1975); presidente do Senado Federal (1970-1971).

Equipe

Levantamento de dados: Aspásia Alcântara de Camargo;Eduardo Raposo;Nara Azevedo de Brito;Maria Cristina Guido;Dulce Chaves Pandolfi;
Pesquisa e elaboração do roteiro: Eduardo Raposo;Dulce Chaves Pandolfi;

Conferência da transcrição: Ignez Cordeiro de Farias;

Copidesque: Carlos Alberto Lopes;

Técnico Gravação: Clodomir Oliveira Gomes;

Sumário: Ignez Cordeiro de Farias;

Temas

Açúcar;
Agamenon Magalhães;
Ato Institucional, 5 (1968);
Carlos Lacerda;
Cid Sampaio;
Coronelismo;
Departamento Nacional de Obras Contra a Seca;
Estado Novo (1937-1945);
Getúlio Vargas;
Golpe de 1964;
Governo Getúlio Vargas (1951-1954);
Governos militares (1964-1985);
Instituto do Açúcar e do Álcool;
João Cleofas;
João Goulart;
Leonel Brizola;
Ministério da Agricultura;
Pernambuco;
Política agrícola;
Política estadual;
Política nacional;
Redemocratização de 1945;
Reforma agrária;
Revolução Constitucionalista (1932);
Revolução de 1930;
Seca;
Superintendência de Desenvolvimento do Nordeste (Sudene);
Tenentismo;
União Democrática Nacional;

Sumário

1ª Entrevista: origem familiar; escolha da carreira; o sogro; entrada na política; na prefeitura de Vitória de Santo Antão; Pernambuco e Vitória de Santo Antão; agricultura em Pernambuco; pequena propriedade; formação escolar; a Escola Livre de Engenharia de Pernambuco e a Politécnica do Rio de Janeiro; secretário da Agricultura em Pernambuco; reforma agrária, IBRA e INDA; no Ministério da Agricultura; crises políticas na década de 20; governador José Bezerra; Revolução de 1930; política pernambucana na década de 20; deputado estadual (1925/27); deputado federal (1935); Ernesto Geisel em 1930; governo Lima Cavalcanti; coronelismo em Pernambuco; os tenentes e a Revolução de 1930; a agricultura pós-30; o trigo no Brasil; indústria açucareira; o usineiro e a política; Instituto do Açúcar e do Álcool......................................................................................................................................................1 a 51

2ª Entrevista: intervenção do governo de Pernambuco na política do açúcar (1930/32); a Comissão de Defesa do Álcool e a Comissão de Defesa do Açúcar; IAA; produção de açúcar em São Paulo; Secretaria de Agricultura, Indústria, Comércio, Viação, Obras Públicas e Melhoramentos Municipais; engenho e usina; os bóias-frias; divergências entre José Américo e Lima Cavalcanti; a seca de 1932; guerra tributária entre Pernambuco e Paraíba; saneamento em Pernambuco (1933); eleições e rompimento de Lima Cavalcanti com o grupo de José Bezerra (1934); deputado federal (1935/37); Agamenon Magalhães versus Lima Cavalcanti; Getúlio e o tenentismo; a bancada classista; na Comissão de Orçamento; o levante comunista em Pernambuco; Revolução de 1932; campanha eleitoral de 1937; o golpe de 1937; Estado Novo; governo Agamenon Magalhães; Estatuto da Lavoura Canavieira; eleição de 1945 em Pernambuco; a indústria textil; Sudene; os intelectuais e o Estado Novo..........................................................................................................................................................51 a 96.

3ª Entrevista: eleição de Barbosa Lima Sobrinho (1947); Agamenon Magalhães: campanha e eleições em Pernambuco (1950); eleição de Getúlio Vargas (1950); os usineiros e a política; João Santos e a indústria de cimento em Pernambuco; convite para o Ministério da Agricultura; José Américo; a UDN e o Ministério da Agricultura; verbas para os ministérios; Confederação Nacional de Agricultura e associações rurais; mecanização da lavoura; Comissão Nacional de Política Agrária; João Gonçalves de Souza; irrigação e açudagem; DNOCS; Getúlio Vargas e seus assessores; Companhia Nacional de Seguro Agrícola; INIC......................................................................................................................96 a 141

4ª Entrevista: ministro da Agricultura e seus assessores; Getúlio e a reforma agrária; o Serviço Social Rural; a seca de 1952; exportação de produtos agrícolas; falta de prestígio do Ministério da Agricultura; agricultura de subsistência e agricultura de exportação; Departamento de Produção Animal; DNOCS; trigo; política do preço mínimo; energia de Paulo Afonso; o plano de contenção de despesas; verbas para o ministério; Epitácio Pessoa Sobrinho...............................................................................141 a 176

5ª Entrevista: Ministério da Agricultura; as associações rurais; a Federação Estadual de Agricultura e a Confederação Rural Brasileira; o abastecimento; Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico; Cofap; agricultura no Brasil; a seca de 1952; agricultura do algodão em Pernambuco; o segundo governo Vargas; Congresso Algodoeiro do Nordeste (1952); Comissão Nacional de Política Agrária; reforma agrária; o Serviço Social Rural; substituição de Agamenon Magalhães no governo de Pernambuco; eleições em Pernambuco (1950); convite para o Ministério da Agricultura; candidaturas ao governo de Pernambuco em 1954 e em 1958; campanha eleitoral (1958)................................177 a 225

6ª Entrevista: eleições em Pernambuco (1954); PDS e UDN; governo Cordeiro de Farias; os coronéis em Pernambuco; campanha eleitoral de 1958; Cid Sampaio; governo Cid Sampaio; eleições em Pernambuco (1962); como deputado federal (1959/62); campanha de Jânio Quadros para a presidência da República; renúncia de Jânio Quadros; João Goulart; IBAD.................................................226 a 272

7ª Entrevista: eleições em Pernambuco (1958); como relator na Comissão de Finanças; eleições em Pernambuco (1962); Antiógenes Chaves; Miguel Arrais; Cid Sampaio; José Ermírio de Morais; eleições para a prefeitura de Recife (1963); governo Miguel Arrais; reforma agrária..............................272 a 309

8ª Entrevista: Revolução de 1964; João Goulart; Leonel Brizola; crise de 1961; campanha de Jânio Quadros (1960); Carlos Lacerda; a UDN e a Revolução de 1964; deputado federal em 1965; IBRA e INDA; reforma agrária; as associações rurais; AI-2; Arena e MDB; campanha para o Senado; presidente do Senado; AI-5; o "milagre econômico"........................................................................................310 a 342

9ª Entrevista: deputado federal (1965/67); como senador na Comissão de Finanças; a ponte Rio-Niterói e a Transamazônica; presidente do Senado (1970); Getúlio Vargas e Agamenon Magalhães; eleições em Pernambuco (1950); convite para o Ministério da Agricultura; Getúlio Vargas; saindo da vida pública..................................................................................................................................................342 a 362.
Para enviar uma colaboração ou guardar este conteúdo em suas pesquisas clique aqui para fazer o login.

CPDOC | FGV • Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil
Praia de Botafogo, 190, Rio de Janeiro - RJ - 22253-900 • Tels. (21) 3799.5676 / 3799.5677
Horário da sala de consulta: de segunda a sexta, de 9h às 16h30
© Copyright Fundação Getulio Vargas 2009. Todos os direitos reservados