Anselmo Paulo Bellodi

Entrevista

Anselmo Paulo Bellodi

Entrevista realizada no contexto do projeto “Trajetória e pensamento das elites do agronegócio”, desenvolvido entre setembro de 2011 e dezembro de 2012, com financiamento da presidência da Fundação Getulio Vargas. O projeto tem como objetivos a constituição de um banco de depoimentos (registrados em áudio e vídeo), que deverá ser disponibilizado na internet e, eventualmente, servirá como fonte para a publicação de um livro. Para ter acesso à transcrição e ao vídeo da entrevista clique aqui.
Forma de Consulta:
Entrevista em texto disponível para download.
Entrevista em vídeo disponível na Sala de Consulta do CPDOC e trechos no portal.

Tipo de entrevista: Temática
Entrevistador(es):
Mário Grynszpan
Ana Carolina Bichoffe
Data: 23/11/2011
Local(ais):
São José do Rio Preto ; SP ; Brasil

Duração: 2h15min

Dados biográficos do(s) entrevistado(s)

Nome completo: Anselmo Paulo Bellodi
Nascimento: 25/11/1939; Jaboticabal; SP; Brasil;

Formação: Engenharia Química. Mackenzie
Atividade: Pecuarista e produtor rural – atua no setor de pecuária de corte (recria e engorda) e na plantação de cana-de-açúcar; É proprietário do Grupo APB – empresa que gerencia as fazendas e negocia as transações de compra e venda de animais e também as áreas reservadas à cana.

Equipe


Pesquisa e elaboração do roteiro: Ana Carolina Bichoffe;

Transcrição: Leticia Cristina Fonseca Destro;

Conferência da transcrição: Ana Carolina Bichoffe;

Técnico Gravação: Fernando Henrique Neves Herculiani; Marco Dreer Buarque; Bernardo de Paola Bortolotti Faria;

Sumário: Ana Carolina Bichoffe;Fabrício Almeida;

Temas

Agricultura;
Agropecuária;
Argentina;
Assuntos familiares;
Assuntos pessoais;
Atividade profissional;
Cana de açúcar;
Casamento;
Ciência e tecnologia;
Constituição federal (1988);
Cooperativas;
Desenvolvimento agrícola;
Desenvolvimento científico e tecnológico;
Doenças;
Elites agrárias;
Engenharia;
Exportação;
Família;
Formação escolar;
Formação profissional;
Golpe de 1964;
Ideologia;
Itália;
Mercado;
Mobilização política;
Movimentos sociais;
Participação política;
Partido Verde - PV;
Pecuária;
Política;
Produtor rural;
Produtos agrícolas;
Propriedade rural;
Questão agrária;
Reflorestamento;
Regime militar;
Responsabilidade social;
São Paulo;
Sindicatos de trabalhadores;
União Democrática Ruralista;

Sumário

Entrevista: 23/11/2011

Arquivo 1: Origens familiares na Fazenda do Coco, em Jaboticabal, interior de São Paulo; a migração de seus avós italianos nos anos de 1890; a trajetória de seu avô como colono nas lavouras cafeeiras; a genealogia da família; o gradual abandono do plantio de café; a plantação de mandioca durante a Segunda Guerra Mundial; o cultivo de cana de açúcar na década de 1950; a escolarização da família; a mudança para a cidade aos 10 anos de idade; o ingresso no curso de Engenharia Química da Universidade Mackenzie; as relações familiares paternas; a trajetória da família materna; o processo de produção da cana de açúcar; reflexões sobre a participação política da família; a graduação em tempos de agitação política; a conjuntura política no regime militar; a relação da família com o sindicato dos trabalhadores rurais; as atividades profissionais da família; a contribuição da Engenharia Química na montagem da indústria de álcool da família; a construção do primeiro engenho de açúcar nos anos 1950; a divisão dos negócios familiares em sociedades; o falecimento de seu pai; o casamento com Célia Vilela Bellodi; a trajetória profissional do sogro; a atividade pecuária exercida pela família; a agropecuária como uma atividade prazerosa.
Arquivo 2: O auxílio de especialistas para o desenvolvimento da agropecuária; a criação de porcos na Fazenda do Coco e o gradual abandono da atividade; o enfoque na pecuária de corte; a expansão das atividades pecuárias no Cerrado na década de 1970; a predileção pela pecuária em detrimento das atividades agrícolas; os empecilhos da atividade pecuária contemporânea; reflexões sobre os limites e perspectivas da legislação ambiental no contexto internacional; a pecuária voltada ao mercado interno nos anos 1970; os impactos da degradação do solo para a pecuária nos dias atuais; as medidas de proteção contra doenças aos animais; o processo de rastreabilidade do rebanho; o salto da atividade pecuária brasileira nos anos 1980; os investimentos na produção pecuária; os boitéis como uma alternativa ao período de secas; a diferença entre a pecuária brasileira e argentina; a relação dos pecuaristas com o Plano Cruzado; a questão da reforma agrária; a participação política na elaboração da Constituição de 1988; a presença da União Democrática dos Ruralistas (UDR) nos debates constituintes; a abertura ao livre mercado na década de 1990; a venda da carne para frigoríficos exportadores; os negócios com Tião Maia.
Arquivo 3: A participação de seu filho, Maurício Bellodi, nos negócios; a empresa Bellman gerida pelo filho; a certificação dos produtos pecuários; a venda da carne como a única atividade exercida no ramo pecuário; seu diferencial em termos de gestão na agropecuária; a questão da responsabilidade ambiental nos negócios.
Para enviar uma colaboração ou guardar este conteúdo em suas pesquisas clique aqui para fazer o login.

CPDOC | FGV • Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil
Praia de Botafogo, 190, Rio de Janeiro - RJ - 22253-900 • Tels. (21) 3799.5676 / 3799.5677
Horário da sala de consulta: de segunda a sexta, de 9h às 16h30
© Copyright Fundação Getulio Vargas 2009. Todos os direitos reservados