Clemente Mariani II

Entrevista

Clemente Mariani II

Entrevista realizada no contexto da pesquisa "Trajetória e desempenho das elites políticas brasileiras", sendo parte integrante do projeto institucional do Setor de História Oral do CPDOC, em vigência desde sua criação em 1975. A escolha do entrevistado se justificou pelos cargos políticos ocupados, tais como: deputado estadual da Bahia (1924-1925 e 1929-1930), deputado constituinte (1934 e 1946), deputado federal BA (1935-1937 e 1950-1951), ministro da Educação (1946-1950), presidente do Banco do Brasil (1954-1955) e ministro da Fazenda (1961).
Forma de Consulta:
Entrevista em áudio disponível na Sala de Consulta do CPDOC.

Tipo de entrevista: Temática
Entrevistador(es):
Aspásia Alcântara de Camargo
Lucia Hippolito
Data: 8/5/1978 a 11/5/1978
Local(ais):
Rio de Janeiro ; RJ ; Brasil

Duração: 3h10min

Dados biográficos do(s) entrevistado(s)

Nome completo: Clemente Mariani Bittencourt
Nascimento: 28/9/1900; Salvador; BA; Brasil;

Falecimento: 13/8/1981; Salvador; BA; Brasil;

Formação: Faculdade de Direito da Bahia (1920).
Atividade: Deputado Estadual BA (1924-25 e 1929-30); Deputado Constituinte (1934); Deputado Federal BA (1935-37); Deputado Constituinte (1946); Ministro da Educação (1946-50); Deputado Federal BA (1950-51); Presidente do Banco do Brasil (1954-55); Ministro da Fazenda (1961).

Equipe

Levantamento de dados: Aspásia Alcântara de Camargo;
Pesquisa e elaboração do roteiro: Aspásia Alcântara de Camargo;

Técnico Gravação: Clodomir Oliveira Gomes;

Sumário: Nara Azevedo de Brito;

Temas

Aliança para o Progresso (1961);
Carlos Lacerda;
Celso Furtado;
Clemente Mariani;
Conferência de Punta del Este (1962);
Economia;
Ernesto Che Guevara;
Golpe de 1964;
Governo Jânio Quadros (1961);
Governo Juscelino Kubitschek (1956-1961);
Inflação;
Leonel Brizola;
Ministério da Fazenda;
Ministério das Relações Exteriores;
Política econômica;
Reforma agrária;
União Democrática Nacional;

Sumário

1ª Entrevista: 08.05.1978
Fitas 1, 2 e 3-A: Convite para o Ministério da Fazenda; comentários sobre a Instrução 204; análise da política fiscal do governo; transferência de rendas do Nordeste para o Centro-Sul; a teoria econômica de Celso Furtado; perfil de Celso Furtado; campanha presidencial de Jânio Quadros; afastamento da UDN; compromissos assumidos com Jânio Quadros; política econômica no período do Ministério da Fazenda; comentários sobre a política econômica de governo Kubitschek; os problemas inflacionários; as medidas anti-inflacionárias; efeitos da Instrução 204 sobre a comercialização do café e do cacau; problemas relativos ao açúcar; o governo Jânio Quadros e o combate à especulação; a Lei de Remessa de Lucros; a Instrução 204 e a política de estímulo às exportações; a política de valorização do café no governo Vargas; o Acordo do Trigo; a repercussão nos Estados Unidos da Revolução de 1964 e os efeitos econômicos para o Brasil.


2ª Entrevista: 08.05.1978
Fitas 3-A, 3-B e 4: A Aliança para o Progresso; a Conferência de Punta del Este; o papel desempenhado por Celso Furtado na Conferência de Punta del Este; as divergências quanto à questão da remessa de lucros; o peso político das classes produtoras paulistas no governo; a reforma agrária; problemas da baixa produtividade da terra; a renúncia ao Ministério da Fazenda; a função de Leonel Brizola na Conferência de Punta del Este; a visita de Che Guevara ao Brasil; divergências entre Carlos Lacerda e Jânio Quadros.
Para enviar uma colaboração ou guardar este conteúdo em suas pesquisas clique aqui para fazer o login.

CPDOC | FGV • Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil
Praia de Botafogo, 190, Rio de Janeiro - RJ - 22253-900 • Tels. (21) 3799.5676 / 3799.5677
Horário da sala de consulta: de segunda a sexta, de 9h às 16h30
© Copyright Fundação Getulio Vargas 2009. Todos os direitos reservados