Edmundo Barbosa da Silva

Entrevista

Edmundo Barbosa da Silva

Entrevista realizada no contexto da pesquisa "Trajetória e Desempenho das Elites Políticas Brasileiras", parte integrante do projeto institucional do Programa de História Oral do CPDOC, em vigência desde sua criação, em 1975. A escolha do entrevistado se justificou por ser diplomata, presidente e consultor de várias instituições comerciais como Instituto do Açúcar e do Álcool, Generali do Brasil, Companhia Nacional de Seguros e Associação Comercial do Rio de Janeiro, entre outras.
Forma de Consulta:
Entrevista em áudio disponível na Sala de Consulta do CPDOC.

Tipo de entrevista: Temática
Entrevistador(es):
Dulce Chaves Pandolfi
Daniela Maria Moreaux
Data: 19/7/1984
Local(ais):
Rio de Janeiro ; RJ ; Brasil

Duração: 2h40min

Dados biográficos do(s) entrevistado(s)

Nome completo: Edmundo Pena Barbosa da Silva
Nascimento: 11/2/1917; Curvelo; MG; Brasil;

Formação: Faculdade de Direito da Universidade do Rio de Janeiro (1937); Direito Internacional Público e Relações Anglo-Brasileiras na Universidade de Cambrige (Inglaterra, 1940).
Atividade: Iniciou sua carreira diplomática em março de 1939; em novembro foi removido para a Embaixada Brasileira em Londres; tornou-se auxiliar do Gabinete Civil da Presidência da República em maio de 1945; integrou a Seção Brasileira na Comissão Mista Brasil-Argentina, chefiando nesse mesmo mês a Missão Brasileira junto aos países membros da Organização dos Estados Americanos (OEA); em 1956 tornou-se Membro do Conselho Nacional de Pesquisas (CNPq); entre 1960 a 1961 integrou o Conselho Técnico da Federação Nacional de Comércio e presidiu o Gatt; em outubro de 1961 tornou-se presidente do Instituto do Açúcar e do Álcool (IAA); durante a vigência do Sistema Parlamentar de Governo no Brasil foi assistente especial do Conselho de Ministros. Em 1966 foi posto à disposição do Governo do Estado do Rio de Janeiro, condição em que permaneceria pelo menos até 1975; foi indicado em 1982 para substituir o economista Sérgio Quintela na presidência da Companhia Jari; dono de fazendas no Norte do Estado do Rio de Janeiro dedicou-se à lavoura açucareira; membro do Conselho de Curadores da Fundação Getulio Vargas desde1983; no ano seguinte tornou-se membro do Conselho Empresarial de Agricultura e Agroindústria da Associação Comercial do Rio de Janeiro.

Equipe

Levantamento de dados: Dulce Chaves Pandolfi;Daniela Maria Moreaux;
Pesquisa e elaboração do roteiro: Dulce Chaves Pandolfi;Daniela Maria Moreaux;

Técnico Gravação: Clodomir Oliveira Gomes;

Sumário: Cristiano Santiago de Sousa;

Temas

Aliança para o Progresso (1961);
Brasília;
Carlos Lacerda;
Celso Furtado;
Clemente Mariani;
Conferência de Punta del Este (1962);
Edmundo Barbosa da Silva;
Governo Jânio Quadros (1961);
Humberto de Alencar Castelo Branco;
Jânio Quadros;
João Goulart;
Juscelino Kubitschek;
Leonel Brizola;
Lincoln Gordon;
União Democrática Nacional;

Sumário

Fita 1-A: Comentários sobre Clemente Mariani e a elite baiana; a aproximação e a relação funcional entre Clemente Mariani e o entrevistado; a questão dos acordos do trigo; a organização da delegação brasileira para a Conferência de Punta del Este; comentários sobre Juscelino Kubitschek e a construção de Brasília; longas observações sobre a Operação Pan Americana e a Aliança para o Progresso; a delegação brasileira na Conferência de Punta del Este; considerações sobre os planos políticos de Jânio Quadros; as diferenças entre as políticas externas brasileira e argentina; o contato entre Clemente Mariani e Che Guevara; as discussões da Conferência de Punta del Este.

Fita 1-B: As discussões da Conferência de Punta del Este; observações sobre o nível da organização da delegação brasileira, em relação às demais; avaliação sobre o Brasil, como país em desenvolvimento; a participação de Leonel Brizola na delegação brasileira; a participação de Che Guevara na conferência e seu diálogo com o entrevistado; a condecoração dada por Jânio Quadros a Che Guevara; informações sobre o caso Galvão; comentários sobre Clemente Mariani e sua incompatibilidade com Jânio Quadros; o discurso de Clemente Mariani em Punta del Este.

Fita 2-A: Clemente Mariani na Conferência de Punta del Este: sua contribuição, exposição do conteúdo de seus discursos, sua confiança no entrevistado; as divergências entre alguns integrantes da delegação brasileira; reflexões sobre a vida de Celso Furtado; a vocação do país para o desenvolvimento.

Fita 2-B: Observações sobre as comissões de negociação de recursos no governo Jânio Quadros; interpretação da relação entre os presidentes Jânio Quadros e João Goulart e o poder; o incidente entre o general Kruell e o entrevistado; sua demissão do Instituto do Açúcar e do Álcool; a renúncia de Jânio Quadros; a importância da obtenção de depoimentos; a questão dos acordos do trigo; o discurso de Carlos Lacerda a Lincoln Gordon; a incompatibilidade entre Clemente Mariani e Jânio Quadros; a importância de Jânio Quadros para a UDN; o comportamento de Jânio Quadros como presidente; exposição da opinião de Juscelino Kubitshek sobre a responsabilidade do cargo de presidente da República.

Fita 3-A: A renúncia de Jânio Quadros; comentários sobre Jânio Quadros e seu comportamento; longos comentários sobre a disputa pela sucessão presidencial ocorrida à época da entrevista; considerações sobre os gastos públicos nos governos; comentários sobre Clemente Mariani; as intenções de Jânio Quadros com a condecoração dada a Che Guevara; os interesses dos deputados no Congresso; comentários sobre a crise no sistema previdenciário.

Fita 3-B: Comentários sobre a crise no sistema previdenciário; a intenção de Juscelino Kubitschek de fazer uma reforma cambial; a conversa entre Juscelino Kubitschek e o presidente de Portugal; comentários sobre Castelo Branco; reflexões sobre a necessidade de um estadista na presidência.
Para enviar uma colaboração ou guardar este conteúdo em suas pesquisas clique aqui para fazer o login.

CPDOC | FGV • Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil
Praia de Botafogo, 190, Rio de Janeiro - RJ - 22253-900 • Tels. (21) 3799.5676 / 3799.5677
Horário da sala de consulta: de segunda a sexta, de 9h às 16h30
© Copyright Fundação Getulio Vargas 2009. Todos os direitos reservados