Nelson do Valle Silva

Entrevista

Nelson do Valle Silva

Entrevista realizada no contexto do projeto “Memória de um Office na periferia: o Escritório da Fundação Ford no Brasil”, desenvolvido em convênio com a Fundação Ford, entre janeiro de 2011 e julho de 2012, com o objetivo de constituir um acervo de depoimentos histórico-documental sobre os 50 anos da atuação da Fundação Ford no Brasil e a posterior disponibilização dos depoimentos gravados na internet.
Forma de Consulta:
Entrevista em texto disponível para download.

Tipo de entrevista: Temática
Entrevistador(es):
Lúcia Lippi Oliveira
Helena de Moura Aragão
Data: 29/2/2012
Local(ais):
Rio de Janeiro ; RJ ; Brasil

Duração: 1h0min

Dados biográficos do(s) entrevistado(s)

Nome completo: Nelson do Valle Silva
Formação: Graduação em Economia pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (1965-1968); Mestrado em Informática pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (1970-1972); Doutorado em Sociologia pela University of Michigan, UMICH (1975-1978); Pós-Doutorado pela University of Florida (1984); Pós-Doutorado pela Columbia University(2003);Pós-Doutorado Université de Bourgogne (2005-2006).
Atividade: Professor visitante do Instituto de Estudos Sociais e Políticos da UERJ (2010-); pesquisador associado da Universidade de Columbia (2003); professor visitante da Universidade Federal do Rio de Janeiro - UFRJ (1994-1995); professor visitante do Institute Pour La Recherche Sur L'economie Et La Sociologia de L'éducation, IREDU, França 1997); pesquisador da Universidade Cândido Mendes (1990-1996);professor titular do Laboratório Nacional de Computação Científica, LNCC (1980-2002); professor titular do Instituto Universitário de Pesquisas do Rio de Janeiro, IUPERJ (1979-2010); pesquisador da Fundação Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, IBGE (1973-1980); professor assistente da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (1970-1972).

Equipe

Levantamento de dados: Helena de Moura Aragão;Lúcia Lippi Oliveira;Verônica R. Bevilacqua Otero Spicer;
Pesquisa e elaboração do roteiro: Helena de Moura Aragão;Lúcia Lippi Oliveira;

Transcrição: Leticia Cristina Fonseca Destro;

Técnico Gravação: Marco Dreer Buarque; Bernardo de Paola Bortolotti Faria;

Sumário: Laura Mie de Azevedo Nicida;

Temas

Acesso à informação;
Agradecimentos;
Anos 1960;
Anos 1970;
Anos 1980;
Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Ciências Sociais (ANPOCS);
Bahia;
Bolsas de estudo e de pesquisa;
Brasil;
Casamento;
Censos;
Centros de pesquisa;
Ciências Sociais;
Congressos e conferências;
Demografia;
Discriminação racial;
Disseminação da informação;
Distribuição de renda;
Educação;
Ensino superior;
Estados Unidos da América;
Estatística;
Estratificação social;
Estrutura econômica;
Etnias;
Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro (FAPERJ);
Fundação Ford;
Genealogia;
Gênero;
Informática;
Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística;
Instituto Universitário de Pesquisas do Rio de Janeiro (Iuperj);
Movimento negro;
Pesquisa científica e tecnológica;
Política científica e tecnológica;
Pontifícia Universidade Católica;
Pós - graduação;
Produção intelectual;
Sociedade civil;

Sumário

Entrevista 29 de fevereiro de 2012: O doutorado na Universidade de Michigan; o trabalho na área de demografia histórica e genealogias brasileiras; os censos demográficos de 1960 e 1970; o mestrado na Pontifícia Universidade Católica (PUC) na área de informática; o trabalho no Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e o doutorado em Michigan sobre diferenças raciais na distribuição de renda; o trabalho no Instituto Universitário de Pesquisas do Rio de Janeiro (IUPERJ); a ponte entra Ciências Sociais e Estatística; a criação de um grupo temático na Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Ciências Sociais (Anpocs); a tese de Carlos Hasenbalg sobre raça na estratificação social; o estudo sobre a questão do casamento inter-racial; o trabalho no Laboratório Nacional de Computação Científica (LNCC) na área de Educação; o apoio da Fundação Ford e Nigel Brooke nos anos 1990; o trabalho no Centro de Estudos Afro-Orientais; o censo de 1980 e a pressão do movimento negro sobre a volta do quesito cor; o papel da Inter-American Foundation e da Fundação Ford sobre questões de gênero e raça no Brasil; questões raciais, educacionais, sociais e econômicas no Brasil; a preocupação da Fundação Ford com a produção de conhecimento; a comissão de seleção de bolsa de Antônio Risério; o episódio da conferência sobre os branco-pretos na Bahia; as pesquisas de Alberto Mello e Souza sobre educação; o financiamento da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro (FAPERJ); a intensificação da ampliação de dados públicos; agradecimentos finais.
Para enviar uma colaboração ou guardar este conteúdo em suas pesquisas clique aqui para fazer o login.

CPDOC | FGV • Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil
Praia de Botafogo, 190, Rio de Janeiro - RJ - 22253-900 • Tels. (21) 3799.5676 / 3799.5677
Horário da sala de consulta: de segunda a sexta, de 9h às 16h30
© Copyright Fundação Getulio Vargas 2009. Todos os direitos reservados