Roberto Saturnino Braga II

Entrevista

Roberto Saturnino Braga II

Entrevista realizada no contexto do projeto "Memória do BNDES", desenvolvido pelo CPDOC em convênio com o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social. Ela foi utilizada como subsídio para a produção do livro “O BNDES e o Plano de Metas – 1956-61” / José Luciano de Mattos Dias. Rio de Janeiro, BNDES/CPDOC, 1996. A escolha do entrevistado justificou-se por ter trabalhado no Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico (BNDE).
Forma de Consulta:
Entrevista em vídeo disponível na Sala de Consulta do CPDOC.

Tipo de entrevista: Temática
Entrevistador(es):
José Luciano de Mattos Dias
Alexandra de Mello e Silva
Data: 10/12/1992
Local(ais):
Rio de Janeiro ; RJ ; Brasil

Duração: 0h39min

Dados biográficos do(s) entrevistado(s)

Nome completo: Roberto Saturnino Braga
Nascimento: 13/9/1931; Rio de Janeiro; RJ; Brasil;

Formação: Escola Nacional de Engenharia; Instituto Superior de Estudos Brasileiros - Iseb; curso de extensão sobre o Desenvolvimento Econômico pela Comissão Econômica para a América Latina - Cepal
Atividade: Deputado federal RJ (1963-67); senador RJ (1975-85); prefeito do Rio de Janeiro (1986-89); vereador RJ (1993-97); senador RJ (1999- ). Trabalhou no Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico.

Equipe


Técnico Gravação: Clodomir Oliveira Gomes; Marco Dreer Buarque;

Sumário: Adriana Mattos de Oliveira;

Temas

Atividade profissional;
Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico;
Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social;
Comissão Econômica para a América Latina e o Caribe;
Desenvolvimentismo;
Formação acadêmica;
Getúlio Vargas;
Instituto Superior de Estudos Brasileiros;
Juscelino Kubitschek;
Partido Comunista Brasileiro - PCB;
Plano de Metas (1956-1960);
Reformas de base;
Roberto Campos;
Transferência da capital (Brasília);
Transportes;

Sumário

Entrevista: 10/12/1992

Formação acadêmica; comentários sobre o curso de economia política; início da carreira profissional; primeiras impressões do entrevistado a respeito do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico (BNDE); única divergência com relação ao Partido Comunista; comentários sobre o governo de Getúlio Vargas; opiniões sobre Juscelino Kubitschek e seu governo na presidência da República; considerações sobre a construção de Brasília; entrada do entrevistado no BNDE, através do concurso realizado em 1956; comentários sobre Roberto Campos; caráter intervencionista do projeto de criação do BNDE: pressupõe a importância da participação do Estado no desenvolvimento econômico; ida do entrevistado para o departamento de projetos na divisão de transportes, no BNDE; pioneirismo do BNDE, no Brasil, na elaboração e análise de projetos sob o ponto de vista econômico; posição do BNDE frente ao debate entre transporte rodoviário e ferroviário; nascimento do BNDE; a mecânica do BNDE no caso dos transportes; comentários sobre o curso do Instituto Superior de Estudos Brasileiros (ISEB) e o da Comissão Econômica para a América Latina e o Caribe (CEPAL); questão da prevalência da idéia desenvolvimentista, nos anos 1950; importância que a questão social ganha nos anos 1970 e sua entrada no BNDE, que passa a se chamar Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES); observações sobre as chamadas "reformas de base"; comentários sobre a saída de Roberto Campos do BNDE, em 1958; visão do entrevistado acerca da função atual do BNDES; opinião a respeito dos efeitos do Plano de Metas; considerações sobre a importância do BNDE como agência do desenvolvimento econômico dentro do Plano de Metas.

Para enviar uma colaboração ou guardar este conteúdo em suas pesquisas clique aqui para fazer o login.

CPDOC | FGV • Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil
Praia de Botafogo, 190, Rio de Janeiro - RJ - 22253-900 • Tels. (21) 3799.5676 / 3799.5677
Horário da sala de consulta: de segunda a sexta, de 9h às 16h30
© Copyright Fundação Getulio Vargas 2009. Todos os direitos reservados