Imagens do Acervo

  • Paulo Nogueira Batista. S.l., s.d. (Arq. PNB foto 099)

  • Paulo Nogueira Batista (1º esq./dir. sentado) presta depoimento sobre o acordo nuclear no Senado, em sessão presidida pelo senador Magalhães Pinto (centro). Brasília, 1975. (Arq. PNB foto 026/2)

  • Paulo Nogueira Batista (à esq.) e o presidente João Batista Figueiredo. Brasília, fev/1984. (Arq. PNB foto 060/2)

  • Paulo Nogueira Batista e Henry Kissinger. Nova York (EUA), 1989. (Arq. PNB foto 084)

  • Paulo Nogueira Batista sendo condecorado. S.l., s.d. (Arq. PNB foto 095)

  • Paulo Nogueira Batista (com charuto), o embaixador Sérgio Armando Frazão e o ministro Saudita do Petróleo, Sheik J. Yahzni. Nova York, 1973. (Arq. PNB foto 019)

Paulo Nogueira Batista

Sigla: PNB

Dados Biográficos

Titular: Paulo Nogueira Batista

Filiação: Olavo Nogueira Batista e Cefísia de Freitas Nogueira Batista

Nascimento: 4/10/1929, Recife, PERNAMBUCO, Brasil

Cônjuge: Elmira Helena Pinheiro Nogueira Batista

Falecimento: 31/7/1994, Rio de Janeiro, RIO DE JANEIRO, Brasil

Formação Acadêmica

  • Ensino Superior (graduação), Direito, Faculdade de Direito, Rio de Janeiro, 1953

Principais Atividades

  • Secretário, Embaixada do Brasil na Argentina 1956,1959
  • Secretário estadual, Secretaria de Educação e Cultura do Distrito Federal 1960,1961
  • Membro de delegação, Assembléia Geral da ONU, 15ª 1961,1961
  • Membro de delegação, Assembléia Geral da ONU, 16ª 1962,1962
  • Professor, Universidade de Brasília 1963,
  • Secretário, Embaixada do Brasil no Canadá 1964,1967
  • Membro de delegação, Conferência dos países com experiência em Operações de Paz 1964,1964
  • Chefe, Conferência dos Estados da América, 8ª 1966,1966
  • Ministro, Embaixada do Brasil na Alemanha 1969,1971
  • Chefe, Acordo Geral sobre Tarifas e Comércio - GATT (ONU) 1971,1971
  • Chefe, Conferência Nações Unidas sobre Comércio e Desenvolvimento 1971,1971
  • Presidente, Empresas Nucleares Brasileiras - Nuclebrás 1975,1983
  • Embaixador, Organização das Nações Unidas 1987,1990

Outras Atividades

Diplomata pelo Instituto Rio Branco, nomeado cônsul de 3ª classe (1953); auxiliar do secretário geral da Secretaria de Estado das Relações Exteriores do MRE (1953); participou da I Reunião dos chefes de Missão do Brasil nos países membros da Organização dos Estados Americanos, no Rio de Janeiro e também da IX Conferência Interamericana, em Caracas (1954); chefe de gabinete do prefeito de Brasília (1960-1961); participou da missão junto à OEA, em Washington (1961); presidente da Comissão Coordenadora para a Aliança para o Progresso, vinculada ao Ministério do Planejamento (1962-1963); promovido a 1º secretário (1963); cursou o mestrado em Ciência Política na Universidade de Carleton (1964-1965); assume a subsecretaria de Planejamento Político do Gabinete do MRE (1967-1968); participa da "Conferência dos Estados Militarmente não nucleares" (1968) e das negociações do Acordo de Cooperação Científica e Tecnológica entre o Brasil e a Alemanha (1969); chefia à Delegação Permanente do Brasil no Conselho Econômico e Social (ECOSOC), órgão da ONU; assume a subsecretaria de Assuntos Econômicos da SERE/MRE, ocasião em que participou como enviado especial do Governo brasileiro no Oriente Médio, para negociações sobre o suprimento de petróleo ao Brasil (1973-1974); integrou a Comissão Mista Teuto-Brasileira de Cooperação Econômica (1974); participou como presidente da Nuclebrás das negociações entre o Acordo Nuclear Brasil-Alemanha (1975), do Acordo sobre Salvaguardas Nucleares entre o brasil, a Alemanha e a Agência Internacional de Energia Atômica-AIEA (1976); integrou a comitiva do presidente Ernesto Geisel, em visita oficial à Bonn (1977); esteve novamente à frente da Delegação Permanente do Brasil junto à ONU, Genebra (1983-1987); preside o Conselho de Segurança da ONU (1988); assume a presidência do "Comitê das Relações Empresariais do Governo estadual de São Paulo" e atua como consultor do Forum Paulista de Desenvolvimento (1991); designado secretário executivo da Fundação Pedroso Horta, órgão de formulação política do Partido do Movimento Democrático Brasileiro (PMDB) e professor visitante no Instituto de Estudos Avançados, na USP (1991); exerceu a função de secretário de Assuntos Internacionais do PMDB, em Brasília (1992-1993); representante do Brasil junto à Associação Latino-Americana de Integração-ALADI, Montevidéu (1993-1994).

Documentos Textuais

  • Manuscritos - 5619

Documentos Impressos

  • Livros - 104
  • Capítulos de Livros - 2
  • Periódicos - 15
  • Exemplares de Periódicos - 31
  • Artigos de Periódicos - 4

Documentos Audiovisuais

  • Iconografia
    • cartão postal + foto - 48
    • foto - 226
  • Imagens em movimento
    • vídeo - 19
  • Som
    • fita - 23

Análise da Documentação

DOCUMENTOS TEXTUAIS: A documentação textual do arquivo permite acompanhar a vida pública do titular e cobre todas as funções por ele exercidas. Está organizada nas séries: Documentação Pessoal e Familiar; Produção Intelectual; Atividades Diplomáticas; Atividades Acadêmicas; ONU; Política Nuclear; Dívida Externa; PMDB; Atividades em São Paulo e Câmara dos Deputados. A série Documentação Pessoal e familiar inclui desde documentos pessoais do titular do arquivo e de seus familiares próximos, tais como diplomas, certidões, títulos e currículos, até a correspondência com familiares e documentação patrimonial da família. A série Produção Intelectual compreende, em sua maioria, artigos, conferências e discursos do titular e de terceiros. A ênfase destes trabalhos é em política externa, particularmente, na área nuclear. A série Atividades Diplomáticas reúne informações sobre as atividades diplomáticas de Paulo Nogueira Batista, a partir do final da década de 1950, com exceção da sua atuação na ONU que, devido ao grande volume de documentos, constituiu uma série à parte. A série Atividades Acadêmicas, informa sobre a vida acadêmica do titular, como aluno e professor. Merece destaque o material relativo a sua passagem pela Universidade de São Paulo - USP, como professor visitante. A série ONU, devido ao seu volume documental foi dividida em quatro subséries: Nova York I; Delbragen I; Delbragen Il e Nova York II. Cada uma dessas subséries é constituída de dossiês, que tratam das principais atividades do titular durante sua passagem pelos diversos organismos da ONU. Merece destaque o material sobre a atuação do titular como representante do Brasil junto ao Conselho de Segurança, incluindo os períodos em que assumiu a presidência desse Conselho, além da sua atuação junto ao GATT e a UNCTAD. A série Dívida Externa surgiu como desdobramento da série Atividades Diplomáticas e reúne documentos sobre a dívida externa brasileira, preocupação que acompanha Paulo Nogueira Batista ao longo de sua vida pública. Trata da crise econômica da década de 1980, sua relação com a dívida externa, negociações com o FMI etc. A série Política Nuclear, a mais volumosa, apesar de reunir informações sobre a política nuclear brasileira desde a década de 1950, concentra-se nas décadas de 1970 e 1980, período em que o titular esteve diretamente envolvido com essa questão, inclusive como primeiro presidente da Nuclebrás (1975-1983) e negociador do grande acordo nuclear entre Brasil e Alemanha. Devido ao grande número de documentos e à diversidade de temas abordados, a série foi dividida em quatro subséries: Acordos de Cooperação Técnica, NUCLEBRÁS, Ciclo do Combustível e Assuntos Diversos. Essas subséries se complementam e estão organizadas por temas. São eles: Acordos de Cooperação Técnica, NUCLEBRÁS, Ciclo do Combustível e Assuntos Diversos que reúne o restante da documentação sobre política nuclear que não se enquadra nas outras subséries, destacando-se o dossiê sobre a CPI do acordo nuclear Brasil-Alemanha DOCUMENTOS AUDIOVISUAIS: O arquivo possui 271 fotos produzidas entre as décadas de 1950 e 1990. A maior parte refere-se à vida pública do titular, concentrando-se em sua carreira diplomática (iniciada em 1952) e no período em que foi presidente da Nuclebrás (1975-1982). Destacam-se, entre outras, as referentes ao acordo nuclear Brasil - Alemanha e à participação de Paulo Nogueira Batista, enquanto embaixador da ONU (1987-1990), nas negociações de paz entre Irã e Iraque. O acervo de fitas é composto por 23 fitas audiomagnéticas e o material concentra-se entre os anos de 1978 e 1990. Os documentos fornecem informações substanciais sobre a vida pública do titular, concentrando-se tanto em temas vinculados à política nuclear brasileira, quanto a conflitos internacionais que Paulo Nogueira Batista mediou enquanto embaixador na ONU. Destacam-se, entre outras, 13 fitas relativas à CPI do acordo nuclear que, juntas, somam quase 12 horas de depoimentos. A maior parte dos pronunciamentos refere-se ao programa nuclear implementado pelo governo, bem como à política orçamentária aprovada para o desenvolvimento nuclear brasileiro. Temas como a relação entre Brasil e Alemanha e a bomba atômica são também discutidos. O arquivo possui, ainda, 19 fitas de vídeo produzidos entre as décadas de 1980 e 1990, compreendendo entrevistas, debates e pronunciamentos. Os vídeos referem-se a fatos importantes da vida pública de Paulo Nogueira Batista, destacando-se suas atuações como presidente da Nuclebrás (1975-1982) e como embaixador da ONU (1987-1990). Como temas centrais nos debates, destacam-se as negociações de paz em conflitos internacionais, mediadas pela ONU e, ainda, questões relacionadas à energia nuclear, dívida externa brasileira e relações diplomáticas do Brasil com o exterior.

Descrição do Conteúdo das Séries

Assessoria à Câmara dos Deputados
1910 a 1992 16

Atividade acadêmica
1962 a 1993 101

Atividade diplomática
1957 a 1986 213

Atividade em São Paulo
1911 a 1991 168

Dívida externa
1980 a 1992 247

Documentação pessoal e familiar
1888 a 1994 410

Filmes
0

Fitas cassete
1978 a 1990 23

Fotografias
1953 a 1994 274

Organização das Nações Unidas
1961 a 1990 1761

Partido do Movimento Democrático Brasileiro
1977 a 1992 90

Política nuclear
1952 a 1990 2502

Produção intelectual
1952 a 1992 111

Vídeos
1981 a 1993 19