Imagens do Acervo

  • Venceslau Brás (à esq.) com desconhecido. S.l., s.d. (Arq. VB foto 020)

  • Olegário Maciel (2º esq./dir.), Venceslau Brás e Lair Tostes. Juiz de Fora (MG), entre jan/set 1933. (Arq. GC foto 023/3)

  • Venceslau Brás e Getúlio Vargas. Itajubá (MG), entre 1935 e 1945. (Arq. VB foto 008)

  • Antônio Carlos, Venceslau Brás (centro) e outros. S.l., entre set/1917 e 01/11/1918 (Arq. ARA foto 002)

  • Maria Carneiro Pereira Gomes, esposa de Venceslau Brás. S.l., s.d. (Arq. VB foto 019)

Venceslau Brás

Sigla: VB

Dados Biográficos

Titular: Wenceslau Braz Pereira Gomes

Filiação: Francisco Brás Pereira Gomes e Isabel Pereira dos Santos

Nascimento: 26/2/1868, Brasópolis, MINAS GERAIS, Brasil

Cônjuge: Maria Carneiro Pereira Gomes

Falecimento: 15/5/1966, Itajubá, MINAS GERAIS, Brasil

Formação Acadêmica

  • Ensino Superior (graduação), Direito, Faculdade de Direito, São Paulo (SP), 1890

Principais Atividades

  • Deputado estadual, Partido Republicano Mineiro 1892,1898
  • Secretário estadual, Secretaria do Interior, Justiça e Segurança Pública de MG 1898,1902
  • Deputado federal, Partido Republicano Mineiro 1903,1908
  • Presidente de estado, Governo do estado de Minas Gerais 1909,1910
  • Vice-presidente da República, Presidência da República 1910,1911
  • Fundador, Companhia Industrial Sul-Mineira 1912,1912
  • Presidente, Companhia Industrial Sul-Mineira 1912,1912
  • Presidente da República, Presidência da República 1914,1918

Outras Atividades

Promotor público em Jacuí e intendente de Monte Santo; membro da comissão executiva do Partido Republicano Mineiro (1929-1930); membro do conselho supremo da Legião Liberal Mineira (1931-1932); um dos organizadores e membro da comissão diretora do Partido Social Nacionalista (1932); presidente da Companhia Industrial Força e Luz de Itajubá, da Fábrica de Tecidos Codorna e do Banco de Itajubá, entre outros.

Documentos Textuais

  • Manuscritos - 6316

Documentos Impressos

  • Livros - 45
  • Periódicos - 33
  • Exemplares de Periódicos - 51
  • Artigos de Periódicos - 10

Documentos Audiovisuais

  • Iconografia
    • negativo - 8
    • foto - 150
    • cartão postal - 6

Análise da Documentação

DOCUMENTOS TEXTUAIS: o arquivo está organizado em 12 séries: DOCUMENTOS PESSOAIS, CORRESPONDÊNCIA PESSOAL, ATIVIDADES PRIVADAS, SECRETÁRIO DO INTERIOR DE MG, DEPUTADO FEDERAL, PRESIDENTE DO ESTADO DE MG, VICE-PRESIDENTE DA REPÚBLICA, PRESIDENTE DA REPÚBLICA, ASSUNTOS GERAIS, PRODUÇÃO INTELECTUAL, DOCUMENTOS COMPLEMENTARES E RECORTES DE JORNAIS. O arquivo é composto basicamente de correspondência, na qual encontram-se muitas vezes dados sobre a vida privada e a atuação pública do titular. A correspondência classificada como pessoal, enviada a parentes e amigos, inclui comentários sobre a política nacional e local. A série atividades privadas refere-se à Rede Sul Mineira, à Companhia Industrial Sul Mineira e à firma Brás e Cia., empreendimentos particulares de Venceslau Brás. A documentação relativa à atuação pública do titular trata de assuntos diretamente ligados às funções que exerceu, bem como de temas políticos gerais. É importante destacar que o arquivo é de fundamental importância para pesquisadores interessados nas relações políticas durante a República Velha, especialmente aqueles voltados para o estudo da política mineira e sua posição dentro do cenário nacional. Dentre os documentos que dizem respeito à vice-presidência da República, merecem destaque especial os referentes a assuntos econômicos e financeiros (onde estão documentadas as negociações para obtenção de empréstimos no exterior, inclusive aquelas que resultaram na realização do segundo "funding loan"), política mineira e assuntos nacionais, especialmente aqueles relativos à sucessão presidencial de Hermes da Fonseca. A documentação sobre a gestão de Venceslau Brás na presidência da República é a de maior volume. Contém importantes informações a respeito da posição do Brasil e da conjuntura internacional durante a Primeira Guerra Mundial, bem como acerca de assuntos relacionados ao conflito: propaganda do Brasil no exterior, emissão de títulos e moedas, relações comerciais durante a guerra, produção e comercialização de carvão e café, colônias alemãs no Brasil etc. Quanto ao cenário nacional, encontram-se documentos referentes às crises políticas nos estados, quase sempre relacionadas a reconhecimentos de processos eleitorais e à participação do titular na solução da Campanha do Contestado. Significativa também é a correspondência trocada entre Venceslau e Delfim Moreira, presidente de Minas Gerais (1914-1918). Na série assuntos gerais encontram-se organizados documentos posteriores à gestão do titular na presidência da República, referentes à política nacional e mineira, pedidos, assuntos diversos, documentos de José Brás, seu filho, entre outros. Período abrangido: 1880-1966. DOCUMENTOS AUDIOVISUAIS: as fotografias retratam basicamente ambientes familiares. Destaca-se registro de encontro do titular com Getúlio Vargas e Eurico Gaspar Dutra. Existem também fotografias de episódios políticos na cidade de Itajubá, porém sem maiores identificações. DOCUMENTOS IMPRESSOS: o material abrange fundamentalmente o período da gestão do titular na presidência da República, destacando-se publicações sobre a República Velha e especialmente sobre a política mineira. Compreende ainda relatórios e estatutos referentes à Companhia Industrial Sul Mineira, à Companhia Industrial Força e Luz de Itajubá e ao Banco Itajubá, empreendimentos particulares do titular. Período abrangido: 1906-1966.

Descrição do Conteúdo das Séries

Assuntos gerais
1918 a 1964 2356

Atividade privada
1910 a 1946 136

Correspondência pessoal
1880 a 1956 539

Deputado federal
1903 a 1908 106

Documentos complementares
1966 a 1968 5

Documentos pessoais
1882 a 1964 257

Fotografias
1903 a 1969 164

Presidente da República
1914 a 1918 1998

Presidente do estado de Minas Gerais
1908 a 1910 169

Produção intelectual
1895 a 1966 37

Secretário do Interior de Minas Gerais
1898 a 1902 53

Vice-presidente da República
1910 a 1914 660