DIOGO, Cida

Ajuda
Busca

Acervos
Tipo
Verbete

Detalhes

Nome: DIOGO, Cida
Nome Completo: DIOGO, Cida

Tipo: BIOGRAFICO


Texto Completo:
ALENCAR, Chico

DIOGO, Cida

* dep. fed. RJ 2007-2011.

 

Maria Aparecida Diogo Braga nasceu em Volta Redonda (RJ) no dia 20 de janeiro de 1958, filha de Raimundo Pires Diogo e de Maria Amélia Diogo.

Graduou-se em medicina pela Fundação Oswaldo Aranha (FOA) em sua cidade natal. Iniciou sua militância política no movimento estudantil, tendo sido diretora do Diretório Acadêmico de sua faculdade. Em 1980 filiou-se ao recém-fundado Partido dos Trabalhadores (PT).

 De 1993 a 1996 foi secretária municipal de Saúde de Volta Redonda, na gestão do prefeito Paulo Baltazar, do Partido Socialista Brasileiro (PSB), e de 1995 a 1996 presidiu o diretório municipal do PT. Nesse último ano, elegeu-se vice-prefeita na chapa encabeçada por Antônio Francisco Neto, sucessor de Baltazar.

Em 1998 desligou-se do cargo para concorrer a uma cadeira na Assembleia Legislativa do estado (Alerj). Eleita para a legislatura 1999-2002, presidiu a Comissão Permanente de Assuntos da Mulher (1999) e as comissões especiais para Acompanhamento da Dívida do Estado (1999) e de Saúde da Mulher (2000). Nas eleições de 2002 reelegeu-se deputada estadual na legenda do PT. Na nova legislatura, presidiu a Comissão de Saúde (2003), a Comissão Especial para Acompanhamento da Implantação no Rio de Janeiro do Programa Federal Primeiro Emprego (2003) e a Comissão de Segurança Alimentar (2004).

Em 2004 candidatou-se à prefeitura de Volta Redonda, mas obteve o terceiro lugar na disputa, vencida por Gotardo Lopes Neto. Retornando ao mandato de deputada estadual, presidiu a Comissão de Defesa dos Direitos da Mulher (2005-2006), foi vice-líder do partido na Alerj e membro da executiva nacional do PT.

No pleito de outubro de 2006 elegeu-se deputada federal pelo Rio de Janeiro na legenda petista. Assumiu o mandato em fevereiro de 2007 e integrou as Comissões de Seguridade Social e Família e de Ciência e Tecnologia, Comunicação e Informática. Coordenou a Frente Parlamentar pela Cidadania GLBT (gays, lésbicas, bissexuais e travestis), criada em março de 2007, e foi titular da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) responsável pela investigação das más condições do sistema carcerário.

Nas eleições municipais de 2008 candidatou-se pela segunda vez à prefeitura de Volta Redonda na legenda do PT. Como na disputa anterior, ficou em terceiro lugar, atrás de Antônio Francisco Neto e de Jorge de Oliveira. Nas eleições de 2010 candidatou-se a deputada estadual, porém, com 23.534 votos obteve somente uma suplência. Foi presa no dia da eleição, acusada de fazer boca de urna. Em janeiro de 2013, em virtude da  eleição do deputado estadual Rodrigo Neves (PT) para o cargo de prefeito de Niterói, assumiu o mandato na Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro.

Foi ainda professora secundária em Volta Redonda e prestadora de serviços ao Sindicato dos Metalúrgicos e ao Sindicato da Construção Civil. Atuante no movimento sindical dirigiu o Sindicato dos Médicos de Volta Redonda e o Sindicato dos Profissionais de Saúde do Sul Fluminense. Exerceu também o cargo de secretária-geral da Associação de Moradores do Bairro Eucaliptal, em Volta Redonda.

                Casou-se com Ernesto Braga, com quem teve dois filhos.

 

 

 

FONTES: Blog da dep. Cida Diogo. Disponível em: <http://www.cidadiogo.com.br>; CIDA defende; CIDA DIOGO coordenadora; ENCHENTES; MARINHO, R. Maurício Batista quer comandar PSB; Portal da Câmara dos Deputados. Disponível em: <http://www2.camara.gov.br/deputados>; Portal do TSE. Disponível em: <http://www.tse.gov.br>. Portal R7 Notícias. Disponível em <http://noticias.r7.com>. Acesso em 05/05/2014; Site PT-RJ. Disponível em <http://ptrj.org.br>. Acesso em 05/05/2014.

Para enviar uma colaboração ou guardar este conteúdo em suas pesquisas clique aqui para fazer o login.

CPDOC | FGV • Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil
Praia de Botafogo, 190, Rio de Janeiro - RJ - 22253-900 • Tels. (21) 3799.5676 / 3799.5677
Horário da sala de consulta: de segunda a sexta, de 9h às 16h30
© Copyright Fundação Getulio Vargas 2009. Todos os direitos reservados