FURLAN, Rubens

Ajuda
Busca

Acervos
Tipo
Verbete

Detalhes

Nome: FURLAN, Rubens
Nome Completo: FURLAN, Rubens

Tipo: BIOGRAFICO


Texto Completo:
SOBRENOME, Nome

FURLAN, Rubens

* dep. fed. SP 1999-2003.

 

Rubens Furlan nasceu em Sorocaba (SP) no dia 12 de dezembro de 1952, filho de Antônio Furlan e de Beatriz Dias Furlan.

Foi vereador na cidade de Barueri (SP), eleito na legenda do Movimento Democrático Brasileiro (MDB), entre 1977 e 1982, tendo presidido a Câmara Municipal de 1979 a 1981. O município de Barueri, localizado na zona oeste da região metropolitana da Grande São Paulo, abriga parte do bairro de Alphaville, formado por um conjunto de condomínios fechados e de prédios comerciais de luxo.

Em 1981 formou-se em direito pela Faculdade Integrada de Osasco.

Em 1982 elegeu-se prefeito de Barueri, dessa vez na legenda do Partido do Movimento Democrático Brasileiro (PMDB), que substituiu o MDB. Em sua gestão, criou a Guarda Civil Municipal. Foi condecorado cidadão benemérito de Santana de Parnaíba (SP) em 1987, e de Barueri, Pirapora do Bom Jesus (SP) e Itatinga (SP), em 1988. Em 1989 e 1990 foi presidente do diretório municipal do PMDB em Barueri.

 Em 1990 foi eleito deputado estadual, com a quarta maior votação do estado de São Paulo. Cumpriu, porém, apenas metade do mandato, pois em 1992 foi novamente eleito prefeito de Barueri, ainda na legenda do PMDB. Em 1995 transferiu-se para Partido da Frente Liberal (PFL).

Em 1998 elegeu-se deputado federal por São Paulo na legenda do PFL, tendo sido o terceiro mais votado do estado e o quinto mais votado do país. Assumiu o mandato em fevereiro de 1999 e tornou-se vice-líder do PFL. Nesse mesmo ano, contudo, aderiu ao Partido Popular Socialista (PPS), do qual foi vice-líder em 2000 e 2001. Durante a legislatura presidiu a Comissão de Desenvolvimento Urbano e Interior, participou das comissões de Direitos Humanos, de Fiscalização Financeira e Controle, de Relações Exteriores e de Defesa Nacional e foi suplente das comissões de Justiça e de Redação, de Finanças e Tributação, de Seguridade Social e Família. Participou, igualmente, da Comissão Especial de Falência, Concordata Preventiva e Recuperação das Empresas com Atividades Econômicas, e da comissão parlamentar de inquérito (CPI) que investigou a regularidade do contrato entre a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) e a Nike, em 2000. Deixou a Câmara ao final do mandato, em janeiro de 2003.

Em 2004 foi eleito pela terceira vez prefeito de Barueri, já no primeiro turno, com 78,67% dos votos válidos, na legenda do PPS. Em 2006 voltou a se filiar ao PMDB, e nessa legenda se reelegeu, pela quarta vez, prefeito de Barueri em 2008.

Casou-se com Sônia Dias Furlan, com quem teve quatro filhos.

 

Mariana Joffily

FONTES:

Site do biografado <www.rubensfurlan.com.br>, acesso em jul. 2009.

Guia Carapicuíba <http://www.guiacarapicuiba.com/content/view/1273/229/>, acesso em jul. 2009.

Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo <www.tre-sp.gov.br>, acesso em jul. 2009.

Prefeitura Municipal de Barueri <www.barueri.sp.gov.br/>, acesso em jul. 2009.

 

Para enviar uma colaboração ou guardar este conteúdo em suas pesquisas clique aqui para fazer o login.

CPDOC | FGV • Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil
Praia de Botafogo, 190, Rio de Janeiro - RJ - 22253-900 • Tels. (21) 3799.5676 / 3799.5677
Horário da sala de consulta: de segunda a sexta, de 9h às 16h30
© Copyright Fundação Getulio Vargas 2009. Todos os direitos reservados