HECKSHER, ALVARO

Ajuda
Busca

Acervos
Tipo
Verbete

Detalhes

Nome: HECKSHER, Álvaro
Nome Completo: HECKSHER, ALVARO

Tipo: BIOGRAFICO


Texto Completo:
HECKSHER, ÁLVARO

HECKSHER, Álvaro

*militar; comte. V ZA 1947-1949; comte. II ZA 1949-1951; comte. III ZA 1954-1955; min. STM 1958-1965.

 

Álvaro Hecksher nasceu no Rio de Janeiro, então Distrito Federal, no dia 4 de julho de 1895.

Sentou praça em maio de 1912, ingressando na Escola Naval. Em novembro do mesmo ano foi transferido para a aviação naval, tornando-se guarda-marinha em abril de 1915, segundo-tenente em janeiro de 1916 e primeiro-tenente em agosto, de 1918. Promovido a capitão-tenente em janeiro de 1925, nesse mesmo ano concluiu o curso de piloto-aviador naval.

Em fevereiro de 1932 alcançou o posto de capitão-de-corveta, assumindo em 1934 o comando da base de aviação naval de Ladário, em Corumbá (MS), então no estado de Mato Grosso. Promovido a capitão-de-fragata em janeiro do ano seguinte, foi transferido para o recém-criado Ministério da Aeronáutica em janeiro de 1941 e em dezembro ascendeu ao posto de coronel-aviador.

Nomeado adido aeronáutico à embaixada brasileira na Inglaterra em agosto de 1944, exerceu a função até setembro de 1946. Nesse ínterim, atuou em 1945 como assessor aeronáutico da delegação brasileira à Conferência de Paz realizada em Paris. Em outubro de 1946, já de volta ao Brasil, foi promovido a brigadeiro-do-ar, assumindo em agosto do ano seguinte o comando da V Zona Aérea (ZA), sediada em Porto Alegre. Exonerado dessa função em agosto de 1949, assumiu nesse mesmo mês o comando da II ZA, com sede em Recife. Em setembro de 1950 alcançou o posto de major-brigadeiro-do-ar, deixando o comando da II ZA em maio do ano seguinte. Em novembro de 1954 foi empossado no comando da III ZA, sediada no Rio de Janeiro, em substituição ao major-brigadeiro Epaminondas Gomes dos Santos. Permaneceu nessa chefia por pouco tempo, passando o cargo para o major-brigadeiro Henrique Dyott Fontenelle em fevereiro de 1955.

Além das funções já citadas, Hecksher foi também inspetor e chefe interino do Estado-Maior da Aeronáutica (EMA), representante do Ministério da Aeronáutica na Comissão Militar Brasil-Estados Unidos, comandante da Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica, presidente da Comissão de Estudos Relativos à Navegação Aérea Internacional e chefe da delegação brasileira à IV Consulta sobre o Acordo de Transporte Aéreo com os Estados Unidos.

Nomeado ministro do Superior Tribunal Militar (STM) em fevereiro de 1958, tomou posse em abril seguinte e, durante o ano de 1959, integrou a Comissão Judiciária Militar, além da comissão examinadora do concurso para provimento do cargo de auditor. Em maio de 1960 foi promovido a tenente-brigadeiro-do-ar, tendo presidido o STM nos biênios 1962-1963 e 1964-1965. Aposentou-se ao atingir o limite de idade, em abril de 1965, passando para a reserva no posto de marechal-do-ar.

Fez os cursos da Escola de Aviação Naval, de comando na Escola de Guerra Naval e da Escola Superior de Guerra.

Faleceu no dia 16 de maio de 1972.

 

 

FONTES: CORRESP. II COMDO. AÉREO REGIONAL; CORRESP. V COMDO. AÉREO REGIONAL; CORRESP. SUP. TRIB. MILITAR; CORTÉS, C. Homens; Grande encic. Delta; MIN. AER. Almanaque (1963); MIN. GUERRA. Almanaque (1960); WANDERLEY, N. História.

 

Para enviar uma colaboração ou guardar este conteúdo em suas pesquisas clique aqui para fazer o login.

CPDOC | FGV • Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil
Praia de Botafogo, 190, Rio de Janeiro - RJ - 22253-900 • Tels. (21) 3799.5676 / 3799.5677
Horário da sala de consulta: de segunda a sexta, de 9h às 16h30
© Copyright Fundação Getulio Vargas 2009. Todos os direitos reservados