VALTER BORGES GRACIOSA

Ajuda
Busca

Acervos
Tipo
Verbete

Detalhes

Nome: GRACIOSA, Válter
Nome Completo: VALTER BORGES GRACIOSA

Tipo: BIOGRAFICO


Texto Completo:
GRACIOSA, VÁLTER

GRACIOSA, Válter

*pres. INPS 1969-1970 e 1978-1979.

 

Válter Borges Graciosa nasceu em Valença (RJ), em 12 de dezembro de 1915, filho de Nilo da Silva Graciosa e de Silvina Borges Graciosa.

Advogado, em 1966 foi representante do Departamento Nacional de Previdência Social no grupo de trabalho do Ministério do Trabalho e Previdência Social, encarregado de reformular a legislação referente à fiscalização dos seguros de acidentes de trabalho. Em 1967, quando se aposentou estatutariamente como procurador federal, tornou-se representante do governo no Conselho de Recursos da Previdência Social e presidente do grupo de trabalho encarregado de elaborar relatório sobre a política de seguros de acidentes de trabalho. Voltou a representar o governo no Conselho de Recursos da Previdência Social em 1969 e, de novembro desse ano a fevereiro seguinte, ocupou o cargo de presidente do Instituto Nacional de Previdência Social (INPS), substituindo Francisco Luís Torres de Oliveira.

Entre 1970 e 1974, exerceu cumulativamente os cargos de diretor da Coordenação do Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), diretor-geral da Empresa Brasileira de Filmes S.A. (Embrafilme) e presidente do Instituto Nacional do Cinema. Em 1974, assumiu a presidência do Instituto de Previdência e Assistência dos Servidores do Estado (IPASE). Participou em seguida da implantação do Sistema Nacional de Previdência e Assistência Social (Sinpas) e, em março de 1978, voltou a assumir a presidência do INPS, na qual permaneceu até o fim do governo de Ernesto Geisel, em março de 1979. Passando então à iniciativa privada, trabalhou no grupo Ultra. Tornou-se ainda representante do Ministério da Desburocratização e do Ministério da Previdência Social no estado do Rio de Janeiro.

Sucedendo a Luís Carlos Mancini em 1984, foi pela terceira vez presidente do INPS, concluindo a gestão no ano seguinte. Em 1987, mudou-se para Valença e passou a administrar a fazenda de sua esposa.

Válter Graciosa foi ainda chefe-adjunto do gabinete da presidência da Petrobras e coordenador do grupo de assessoramento especial do presidente dessa mesma empresa.

Em julho de 2000, residia em sua cidade natal.

Casou-se com Maria Eugênia Machado Graciosa, com quem teve três filhos. Seu sobrinho, José Graciosa, foi prefeito de Valença e deputado estadual no Rio de Janeiro.

 

FONTES: CORRESP. INST. NAC. PREV. SOC.; ENTREV. BIOG.; INF. BIOG.; Jornal do Brasil (3/5/76 e 1/4/78).

 

Para enviar uma colaboração ou guardar este conteúdo em suas pesquisas clique aqui para fazer o login.

CPDOC | FGV • Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil
Praia de Botafogo, 190, Rio de Janeiro - RJ - 22253-900 • Tels. (21) 3799.5676 / 3799.5677
Horário da sala de consulta: de segunda a sexta, de 9h às 16h30
© Copyright Fundação Getulio Vargas 2009. Todos os direitos reservados